Tenda dos Milagres (livro)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Tenda dos Milagres de Jorge Amado é um romance do escritor brasileiro Jorge Amado, publicado em 1969. Esta obra serviu de base, ainda para adaptações, no cinema e na televisão, além de merecer traduções em alemão, árabe, búlgaro, espanhol, finlandês, francês, húngaro, inglês, italiano, russo e turco.

Enredo[editar | editar código-fonte]

A ação se passa na Tenda dos Milagres, que era a gráfica de Lídio Corró no Pelourinho, na capital da Bahia, Salvador, terra povoada por afro-descendentes, que constituem a maioria da população local e apesar de sofrer com o preconceito racial, mostra-se aguerrida na conquista do seu espaço na sociedade.

A Tenda dos Milagres também servia para encontros entre pessoas ligadas ao candomblé e à capoeira de Angola. O candomblé constitui-se em pano de fundo, e Pedro Archanjo é o herói mestiço dessa história. Mulato com algum estudo, é protegido pelo professor da Faculdade de Medicina, Silva Virajá.

Personagens[editar | editar código-fonte]

Muitas das personagens de Amado foram baseadas em pessoas reais - quando não as inseriu com os próprios nomes em suas obras. O rábula João Romão foi baseado em Cosme de Farias - um célebre defensor dos pobres em Salvador. O professor Silva Virajá era o médico também célebre Pirajá da Silva. O delegado Pedrito Gordo era o chefe de polícia Pedrito Gordilho, famoso por perseguir o candomblé e os capoeiristas.

Até o personagem principal, Pedro Archanjo, foi inspirado numa pessoa real, o negro Manuel Querino. Como no livro de Jorge Amado, Manuel Querino notabilizou-se por escrever vários livros de caráter antropológicos e étnicos (um deles sobre a culinária baiana e um outro, considerado muito importante, que traça a genealogia da elite branca de Salvador, mostrando a sua miscigenação com a raça negra).

O adversário intelectual de Pedro Arcanjo é Nilo Argolo, provavelmente inspirado na figura do médico e antropólogo brasileiro Nina Rodrigues que ficou conhecido por suas afinidades com as teorias racistas de Lombroso e outros.

No cinema e na televisão[editar | editar código-fonte]



Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.