Teoria clássica (física)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A teoria clássica tem pelo menos dois significados distintos em física.

No contexto da mecânica quântica, teoria clássica[1] refere-se a teorias da física que não utilizam o paradigma de quantização, particularmente as mecânica clássicas incluindo relatividade[2] . Da mesma forma, teorias de campo clássicas, tais como a relatividade geral e o eletromagnetismo clássico[3] , são aqueles que não incorporam qualquer mecânica quântica. No contexto da relatividade geral e especial, teorias clássicas são aquelas que obedecem relatividade de Galileu.


Referências

  1. http://www.fisicateorica.me/repositorio/howto/02mec-classica/MEC_1.pdf. Mecânica Clássica I. [S.l.]: Takeshi Kodama, November 25, 2004.
  2. Jean-Pierre Petit (1982). Eisntein e a teoria da relatividade Don Quixote. Visitado em 9/jan/2014.
  3. Gerson Luqueta (21/MAIO/2012). ELETROMAGNETISMO Departemento de engenharia da USP. Visitado em 9/jan/2014.
Ícone de esboço Este artigo sobre física é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.