Teoria de Yang-Mills

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A teoria de Yang-Mills é uma teoria de gauge com base no grupo SU(n), ou mais geralmente qualquer compacto, grupo de Lie semi-simples[1] . A teoria de Yang-Mills procura descrever o comportamento das partículas elementares usando esse grupo de Lie não abelianos e ela está no centro da unificação da força fraca e a força eletromagnética (ou seja, U(1)xSU(2)), bem como a Cromodinâmica Quântica, a teoria da força forte (baseado em SU (3)). Assim, forma a base da nossa compreensão atual da física de partículas, o Modelo Padrão.[2] [3]

Referências

  1. R.R. Puri, Mathematical Methods of Quantum Optics, Springer, 2001.
  2. Campos de Yang Mills e a Teoria de Einstein-Cartan: da Gravitação Quântica à Supercondutividade por Alfredo A. Vargas-Paredes [[1]]
  3. Arthur Jaffe & Edward Witten. "Quantum Yang-Mills theory." Official problem description (em inglês) Clay Mathematics Institute. Visitado em 13 de outubro de 2010.
  • Halzen, Francis; Martin, Alan. Quarks & Leptons: An Introductory Course in Modern Particle Physics. [S.l.]: John Wiley & Sons, 1984. ISBN 0-471-88741-2.
Ícone de esboço Este artigo sobre física é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.