Tertius Chandler

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Tertius Chandler
Nascimento 1915
Morte 2000 (85 anos)
Nacionalidade  Estados Unidos
Ocupação Historiador, economista e escritor

Tertius Chandler (1915 — 2000) foi um historiador e escritor norte-americano que viveu em Berkeley. Foi professor e conferencista de história, economia e religião, sobretudo sobre Moisés. A obra de Chandler com mais sucesso em termos de reconhecimento dos seus partes académicos é Four Thousand Years of Urban Growth, cuja primeira edição data de 1974 (em 1987 foi publicada uma edição revista). Nesse livro constam estimativas de população de cidades desde a Antiguidade;[1] [2] a obra tem sido amplamente citada.[3] [4] [5]

Apesar da notoriedade desse livro, alguns autores consideram que a obra-prima de Chandler é a Chandler's Half Encyclopedia, publicada em 1983. Outro livro digno de nota é The Tax We Need, publicado em 1980.[6]

Além do seu trabalho mainstream sobre populações urbanas, Chandler defendeu e desenvolveu várias ideias alternativas sobre história, as quais são apresentadas e discutidas no seu livro Godly Kings and Early Ethics, no qual ele apresenta as suas ideias sobre Moisés e a sua crença que Zeus e outras figuras da mitologia grega foram pessoas reais. Chandler desenvolveu essas teses em alguns dos seus outros livros. Algumas das teses de Chandler incluíam:[6]

  • Zeus era um rei no tempo de Moisés
  • Noé era a mesma pessoa que o heroói grego Eneias

Obra publicada[editar | editar código-fonte]

  • Three Thousand Years of Urban Growth (1974; coautores: Gerald Fox, Lewis Mumford), Elsevier Science & Technology ISBN 0127851097
  • Four Thousand Years of Urban Growth: An Historical Census (1987), Edwin Mellen Pr ISBN 0889462070
  • Chandler's Half Encyclopedia (1983), Gutenberg Press
  • Remote Kingdoms
  • Moses and the Golden Age (1986), Dorrance Publishing
  • Progress: Social Progress from Mercury to Kennedy, Exposition Press ISBN 0682483613

Notas e referências

  1. Sanderson, Stephen K.. Civilizations and world systems: studying world-historical change (em inglês). [S.l.: s.n.], 1995. p. 209.
  2. City populations through History (pdf) (em inglês) teacherweb.ftl.pinecrest.edu. Pine Crest School. Página visitada em 29 de setembro de 2011.
  3. Manning, Patrick. Migration in world history (em inglês). [S.l.: s.n.], 2005. p. 14.
  4. Marks, Robert. The origins of the modern world: a global and ecological narrative from the fifteenth to the twenty-first century (em inglês). [S.l.: s.n.], 2007. p. 40.
  5. Pasciuti, Daniel; Chase-Dunn, Christopher. Estimating The Population Sizes of Cities (em inglês) www.irows.ucr.edu. The Institute for Research on World-Systems. Página visitada em 29 de setembro de 2011. Cópia arquivada em 21 de maio de 2011.
  6. a b Foldvary, Fred E. (2000). [1] (em inglês) The Progress Report (www.progress.org). Benjamin Banneker Center for Economic Justice and Progress. Página visitada em 29 de setembro de 2011. Cópia arquivada em 16 de janeiro de 2009.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  • Rosenberg, Matt T.. Largest Cities Through History (em inglês) geography.About.com. The New York Times Company. Página visitada em 29 de setembro de 2011.


Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um historiador é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.