Testamento dos Doze Patriarcas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Os Testamentos dos Doze Patriarcas filhos de Jacó, ou simplesmente Testamento dos Patriarcas é um livro apócrifo bíblico pseudoepigráfico, intertestamentário, que se refere a discursos e recomendações atribuídas aos doze filhos de Jacó, antes de morrer. Figurou em códices e listas do Cânon da Bíblia da Igreja Apostólica Armênia, pelo menos até o século XIV.

Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.