Tetracromatismo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Close-up de linha tricromática em tela de tubo de raios catódicos, que cria muitas cores visíveis através da combinação de diferentes níveis de quatro cores primárias: vermelho, azul, verde e outra que não pode ser explicada verbalmente.

Tetracromatismo ou tetracromacia é a condição de possuir quatro canais independentes para receber informações de cores, ou possuir quatro tipos diferentes de células cone no olho. Organismos com tetracromacia são chamados de tetracromatas.

Em organismos tetracromatas, o espaço sensorial de cores é quadri-dimensional, significando que para repetir o efeito sensorial de um espectro luminoso arbitrariamente escolhido dentro de seu espectro visível é necessária a mistura de pelo menos quatro diferentes cores primárias. Sobre o tricromatismo normal em humanos, a gama de cores que podem ser feitas com estas cores primárias não cobre todas as cores possíveis.

Alega-se que cerca de doze porcento (12%) das mulheres possuem essa visão e pouquíssimos homens. As pessoas que possuem essa visão enxergam cerca de noventa e nove milhões (99.000.000) de cores a mais que as que possuem a visão tricromática.