Tetraiodeto de difósforo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Tetraiodeto de difósforo
Alerta sobre risco à saúde
Diphosphorus-tetraiodide-3D-balls.png
Nome IUPAC Tetraiodeto de difósforo
Outros nomes Iodeto de fósforo(II)
Identificadores
Número CAS 13455-00-0
Propriedades
Fórmula molecular P2I4
Massa molar 569.57 g mol−1
Aparência sólido cristalino alaranjado
Densidade  ? g cm−3, sólido
Ponto de fusão

124-127 °C

Ponto de ebulição

Se decompõe

Solubilidade em água Se decompõe
Riscos associados
Classificação UE não listado
Ponto de fulgor não-inflamável
Excepto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições PTN

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.

Tetraiodeto de difósforo, P2I4, é um sólido cristalino alaranjado, é um versátil agente redutor. para o H3PO4) e de +108 ppm em CS2. O fósforo possui um raro estado de oxidação de +2 neste composto.

Síntese[editar | editar código-fonte]

Tetraiodeto de difósforo é facilmente produzido pela dismutação do triiodeto de fósforo em éter anidro:

2PI3 → P2I4 + I2

Pode também ser obtido reagindo tricloreto de fósforo e iodeto de potássio em condições anidras.[1]

Reações[editar | editar código-fonte]

P2I4 reage com o bromo para formar uma mistura de PI3, PBr3, PBr2I e PBrI2.[2]

Aplicações[editar | editar código-fonte]

Tetraiodeto de difósforo é usado em química orgânica para converter ácidos carboxílicos em nitrilas,[3] para desproteger acetais e cetais em aldeídos e cetonas, e para converter epóxidos em alcenos e aldoximas em nitrilas. Pode ainda ciclizar 2-aminoálcoois para formar aziridinas[4] e para converter ácidos carboxílicos α,β-insaturados em brometos α,β-insaturados.[5] Na reação de Kuhn–Winterstein o tetraiodeto de difósforo é usado na conversão de glicóis em alcenos.[6]

Referências

  1. H. Suzuki, T. Fuchita, A. Iwasa, T. Mishina. (dezembro 1978). "Diphosphorus Tetraiodide as a Reagent for Converting Epoxides into Olefins, and Aldoximes into Nitriles under Mild Conditions". Synthesis 1978 (12): 905–908 pp.. DOI:10.1055/s-1978-24936.
  2. A. H. Cowley and S. T. Cohen. (junho 1965). "The Iodides of Phosphorus. II. The Reaction of Bromine with Diphosphorus Tetraiodide". Tetrahedron Letters 4 (8): 1221–1222 pp.. DOI:10.1021/ic50030a029.
  3. Vikas N. Telvekar and Rajesh A. Rane. (agosto 2007). "A novel system for the synthesis of nitriles from carboxylic acids". Tetrahedron Letters 48 (34): 6051–6053 pp.. DOI:10.1016/j.tetlet.2007.06.108.
  4. H. Suzuki, H. Tani. (1984). "A mild cyclization of 2-aminoalcohols to aziridines using diphosphorus tetraiodide". Chemistry Letters 13 (12): 2129–2130 pp.. DOI:10.1246/cl.1984.2129.
  5. Vikas N. Telvekar, Somsundaram N. Chettiar. (junho 2007). "A novel system for decarboxylative bromination". Tetrahedron Letters 48 (26): 4529–4532 pp.. DOI:10.1016/j.tetlet.2007.04.137.
  6. Über konjugierte Doppelbindungen I. Synthese von Diphenyl-poly-enen Richard Kuhn, Alfred Winterstein Helvetica Chimica Acta Volume 11 Issue 1, Pages 87 - 116 1928 DOI:10.1002/hlca.19280110107

Ver também[editar | editar código-fonte]

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.