Texto simples

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Texto plano)
Ir para: navegação, pesquisa
Arquivo de texto de "O Lado Humano da Animais", de Royal Dixon, exibido pelo comando cat em uma janela de console.

Em computação, texto simples ou texto puro[1] é o conteúdo de um arquivo sequencial ordinário legível como material textual sem muito processamento. Texto puro é diferente do texto formatado, onde informações de estilo são incluídas e "arquivos binários" nos quais algumas porções devem ser interpretadas como objetos binários (inteiros codificados, números reais, imagens, etc.).

A codificação tradicionalmente tem sido ASCII, um de seus muitos derivados como ISO/IEC 646 e etc., ou algumas vezes EBCDIC. Codificações baseadas em Unicode como UTF-8 e UTF-16 estão gradualmente substituindo antigos derivados do ASCII limitados a códigos de 7 ou 8 bits.

Mesmo sendo um formato simples, todos os compiladores das linguagens de programação e os programas que interpretam linguagens de marcação utilizam textos planos.[2]

O termo é também usado em criptografia para se referir a qualquer informação legível ou que possa ser usada diretamente por algum dispositivo eletrônico ou programa de computação. Ao ser submetido ao processo de criptografia o texto plano é convertido em algo não-inteligível, chamado de texto cifrado.

Referências

  1. Insituto de Matemática e Estatística da Universidade de São Paulo. Notas sobre escrita de textos na área de Sistemas de Computação na língua de Camões. Página visitada em 12 de junho de 2014.
  2. (November 1987) "Markup systems and the future of scholarly text processing". Communications of the ACM 30 p. 933–947. DOI:10.1145/32206.32209.
Ícone de esboço Este artigo sobre computação é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.