Théodore Maunoir

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Théodore David Eugène Maunoir
Desenho de Jules Hébert de 1870
Nacionalidade Suíça
Nascimento 1 de Junho de 1806
Local Genebra
Morte 26 de Abril de 1869
Local Genebra
Conhecido(a) por Theodore Maunoir

Théodore David Eugène Maunoir (Genebra, 1 de junho de 1806 — Genebra, 26 de abril de 1869) foi um cirurgião suíço e co-fundador da Cruz Vermelha Internacional

Estudos[editar | editar código-fonte]

Théodore Maunoir, membro de uma rica família de médicos genebrinos estudou medicina em Londres, Lyon e Paris. Termina o seu doutoramento em Paris em 1833 e funda com os seus amigos de Genebra Marc-Jacob D'Espine e John Bizot a Société médicale d'observation de Paris a fim de promover o método numérico de Pierre-Charles-Alexandre Louis, precursor da estatística médica.

De regresso a Genebra em 1834, torna-se membro do Commission d'hygiène et de santé desta cidade e da Société genevoise d'utilité publique [1] .

Comité dos Cinco[editar | editar código-fonte]

Em Setembro de 1862, Henri Dunant publica um livro intitulado Uma lembrança de Solférino (Un souvenir de Solférino) no qual descreve a sua experiência dessa batalha. Além disso o livro também contém uma série de propostas para promover e melhorar a ajuda dada aos soldados feridos. Muito interessado junta-se ao que se chamou o Comité dos Cinco que partilha com Henri Dunant, Gustave Moynier, Guillaume-Henri Dufour e o seu grande amigo e médico Louis Appia no chamado Comité international de secours aux militaires blessés que virá a ser, em 1879, o Comitê Internacional da Cruz Vermelha, sendo considerado assim como um dos co-fundadores desta organização [1] .


Referências

Biografia[editar | editar código-fonte]

  • Pierre Boissier, History of the International Committee of the Red Cross. Volume I. From Solferino to Tsushima, éd. Institut Henry Dunant, Genève, 1985