The Fat of the Land

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde outubro de 2009). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
The Fat of the Land
Álbum de estúdio de The Prodigy
Lançamento 1 de julho de 1997
Gravação Earthbound Central
Gênero(s) Big Beat
Breakbeat
Techno
Industrial
Duração 52:21
Gravadora(s) XL Recordings
Maverick
Produção Liam Howlett
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

Cronologia de The Prodigy
Último
Último
Voodoo People
(1995)
The Dirtchamber Sessions Volume One
(1999)
Próximo
Próximo

The Fat of the Land é o terceiro álbum de estúdio da banda inglesa de música eletrônica The Prodigy. Foi lançado em julho de 1997 pela XL Recordings.

Enquanto "Mindfields" apareceu na trilha sonora do filme The Matrix, "Smack My Bitch Up" estava presente nas trilhas sonoras de Charlie's Angels e Closer.

A música chamada "Narayan", contém o trecho "Om Namah Narayana" que foi composta e cantada juntamente com Crispian Mills, vocalista e líder da banda inglesa de rock psicodélico Kula Shaker, que também tem uma versão da música chamada "Song of love/Narayana" em seu álbum Strange Folk.

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "Smack My Bitch Up" (L. Howlett, M. Smith, C. Miller, K. Thornton, T. Randolph) – 5:42
  2. "Breathe" (L. Howlett, K. Flint, Maxim) – 5:35
  3. "Diesel Power" (L. Howlett, K. Thornton) – 4:17
  4. "Funky Shit" (L. Howlett) – 5:16
  5. "Serial Thrilla" (L. Howlett, K. Flint, Skin, Arran) – 5:11
  6. "Mindfields" (L. Howlett, Maxim) – 5:40
  7. "Narayana" (L. Howlett, C. Mills) – 9:05
  8. "Firestarter" (L. Howlett, K. Flint, T. Horn, A. Dudley, J. Jeczalik, P. Morley, G. Langan, K. Deal) – 4:40
  9. "Climbatize" (L. Howlett) – 6:36
  10. "Fuel My Fire" (D.J. Sparks, Walsh, James, Knight) – 4:19
  11. "Molotov Bitch" (faixa bônus para Japão) – 4:51
  12. "One Man Army" (faixa bônus para Japão) – 4:45

Integrantes[editar | editar código-fonte]

  • Christian Ammann – fotografia
  • Shahin Badar – vocal
  • Jim Davies (Pitchshifter) – guitarra
  • Keith Flint – vocal
  • Jake Holloway – ilustrações
  • Liam Howlett – produção, direção de arte e mixagem
  • Alex Jenkins – direção de arte, design e fotografia
  • Kool Keith – vocal
  • Maxim – vocal
  • Crispian Mills (Kula Shaker) – vocal
  • Neil McLellan – engenharia de som
  • Pat Pope – fotografia
  • Saffron (Republica) – vocal
  • Matt Cameron (Soundgarden) – bateria[1]
  • Alex Scaglia – fotografia
  • Lou Smith – fotografia
  • Terry Whittaker – fotografia
  • Konrad Wothe – fotografia

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de The Prodigy é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.