The Fratellis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The Fratellis
The Fratellis {da esquerda para a direita):,
Jon Fratelli, Mince Fratelli e Barry Fratelli
Informação geral
Origem Glasgow, Escocia
País  Reino Unido
Gênero(s) Indie rock
Rock alternativo[1]
Post-punk revival
Garage rock[1]
Período em atividade 2005 - 2009
2012 - presente
Gravadora(s) Fallout Records
Interscope Records
Página oficial thefratellis.com
Integrantes Jon Fratelli
Barry Fratelli
Mince Fratelli

The Fratellis é uma banda de indie rock de Glasgow, na Escócia. A banda consistia de Jon Fratelli (vocal e guitarra), Barry Fratelli (baixo) e Mince Fratelli (bateria). A banda lançou dois álbuns durante sua carreira, Costello Music (2006) e Here We Stand (2008). Depois de terminar a agenda de shows para o Here We Stand, em 2009, a banda entrou hiato indefinido.[2] Mas em junho a banda anunciou em seu site oficial que havia se reunido e fará uma pequena turnê em setembro.[3]

História[editar | editar código-fonte]

Começo e The Fratellis EP (2005-2006)[editar | editar código-fonte]

A primeira apresentação da banda foi no bar O’Henry em Glasgow no dia 4 de março de 2005.

The Fratellis em apresentação em 2007

Eles foram descobertos pelo seu empresário Tony Fratelli no McChuills Bar, em Glasgow, então assinaram contrato com a gravadora Fallout Records. The Fratellis EP foi lançado no dia 3 de Abril de 2006, com as faixas Creepin Up The Backstairs, Stacie Anne e The Gutterati?. A revista inglesa NME escreveu um artigo de duas páginas sobre o The Fratellis na edição de 10 de Agosto de 2006, proclamando-os a melhor banda da Britânia. No dia 25 do mesmo mês, a banda se apresentou no programa The Friday Night Project, onde tocou o seu então futuro single Chelsea Dagger.[4]

Costello Music (2006-2007)[editar | editar código-fonte]

Costello Music foi o primeiro álbum da banda lançado no dia 11 de Setembro, 2006. Foi o segundo álbum mais vendido do Reino Unido por três semanas.[5] O sucesso do álbum levou o “The Fratellis” ao prêmio “BRIT award” como banda revelação de 2007.[6]

O grupo em apresentação no T in the Park, Escócia 2008.

Após o lançamento do álbum, The Fratellis embarcou em uma turnê do UK festival circuit, tocando em Glastonbury e sendo a atração principal em festivais como NME Rock 'n' Riot tour, Oxegen 2007 e T in the Park 2007, entre outros.[7] [8] [9] Eles também abriram o show para o The Police no The Police Reunion Tour no verãode 2007 em algumas das datas da América do Norte. The Fratellis também gravou alguns covers durante o ano de 2007, incluindo All Along The Watchtower para o CD duplo de celebração dos 40 anos de aniversário da BBC Radio One, “Radio 1: Established 1967”, e também gravou Solid Gold Easy Action para a trilha sonora do filme Hot Fuzz, que também incluiu o single Baby Fratelli

Em Outubro de 2007, eles lançaram seu primeiro DVD ao vivo Edgy In Brixton na Inglaterra, que foi gravado na Brixton Academy em Londres. O DVD contém uma apresentação ao vivo de seu primeiro disco Costello Music, B-Sides de vários singles e uma nova música chamada Ella’s In The Band.

Here We Stand (2007-2009)[editar | editar código-fonte]

No dia 20 de Novembro de 2007 foi anunciado no site oficial da banda a ,produção de seu segundo CD. No dia 22 de Fevereiro de 2008 foi feito um pequeno show no Queen Margaret Union para estrear as músicas do novo álbum. Oito músicas novas foram tocadas, incluindo Mistress Mabel, Acid Jazz Singer, and Look Out Sunshine!.[10] A performance apresentou dois novos membros na turnê, o guitarrista Robin e o tecladista, Will Foster. Porém, após o show Teenage Cancer Trust, Robin largou a turne por razões desconhecidas. Will Foster passou a tocar teclado e guitarra durante as performances ao vivo.

O grupo em apresentação em 2008.

O álbum, chamado Here We Stand, foi lançado em Junho de 2008, dia 9 na Inglaterra e dia 11 nos EUA.[4]

Hiato e novos projetos (2009-2012)[editar | editar código-fonte]

Depois de promover o seu segundo disco, The Fratellis entrou num hiato sem fim definido, e os seus membros passaram a concentrar-se em outros projetos.

Barry inicialmente afirmou que ele estava começando seu próprio projeto musical.[11] Ele não deixou que os fãs conhecessem seus empreendimentos musicais até novembro de 2011, onde ele revelou que ele tinha se juntado a banda The Twang.

Mince inicialmente se juntou a uma banda de heavy metal chamada Throne o' Diablo[12] [13] , depois deixou a banda para se juntar banda solo de Jon como um segundo baterista, backing vocal e guitarrista. Ele está atualmente gravando novo material com Jon.

Em fevereiro de 2011, após completar o trabalho em sua estréia Jukebox Psico álbum solo, Jon afirmou que:[14]

Tendo feito um registro que é de longe a melhor coisa que eu já estive envolvido, se eu fosse voltar para a banda, não valeria a pena um ano inteiro de músicas que eu não seria capaz de tocar. Eu acho que é quase impossível de sequer pensar. Sou um grande crente em que a vida tem de manter em movimento e que tudo tem seu tempo particular. Nós estávamos na aquela banda há quatro ou cinco anos juntos o que parece ser o suficiente para mim.

Fim do hiato (2012 - presente)[editar | editar código-fonte]

Em 4 de junho de 2012, a banda anunciou que tinha se juntado novamente para arrecadar dinheiro para o Eilidh Brown Memorial Fund em 15 de junho de 2012, marcando quase 3 anos desde última vez que o grupo compartilhou um palco junto. Mais tarde, em junho, a banda anunciou que vai se apresentar no O2 ABC em Glasgow em 26 de Setembro de 2012. Eles, então, anunciaram outras datas em Oxford, Leicester e Sheffield, com outra data no festival Loopallu e também anunciou uma pequena turnê setembro.[15]

Desde o fim do hiato, Jon afirmou que espera gravar novas músicas com o The Fratellis e também irá lançar seu segundo álbum solo, que ele quase terminou antes do fim do hiato. Ele disse que eles tinham posto de lado as suas diferenças porque "a vida é muito curta". Barry agora deixou a banda The Twang e vai dedicar seu tempo ao The Fratellis.[16]

Integrantes[editar | editar código-fonte]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns[editar | editar código-fonte]

EPs[editar | editar código-fonte]

Singles[editar | editar código-fonte]

  • 2006 - Henrietta
  • 2006 - Chelsea Dagger
  • 2006 - Whistle For The Choir
  • 2007 - Baby Fratelli
  • 2008 - Mistress Mabel
  • 2008 - Look Out Sunshine!
  • 2008 - A Heady Tale

Referências

  1. a b The Fratellis frikarte (29 de abril de 2012). Visitado em 31 de agosto de 2012.
  2. The Fratellis anuncia Hiato (em português) Audiograma (25 de abril de 2010). Visitado em 31 de agosto de 2012.
  3. The Fratellis - News (em inglês) Site oficial da banda (04 de julho de 2012). Visitado em 31 de agosto de 2012.
  4. a b The Fratellis Last.fm.
  5. News BBC.
  6. The Fratellis News NME.
  7. The Fratellis Glastonbur.
  8. Fratellis Review NME.
  9. Fratellis Fans Get Chance To Hear New Tracks Dailyrecord.
  10. The Fratellis The Fratellis.
  11. Throneodiablo Myspace.
  12. Throne o Diablo Facebook.
  13. Jon from The Fratellis (Interview) Stereoboard.
  14. The Fratellis - Live Site oficial da banda. Visitado em 31 de agosto de 2012.
  15. The Fratellis New Daily Record (8 de junho de 2012). Visitado em 31 de agosto de 2012.


Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre The Fratellis
Flag of the United Kingdom.svgGuitarra masc.png Este artigo sobre uma banda ou grupo musical do Reino Unido, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.