The House of Fear

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde setembro de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
The House of Fear
Sherlock Holmes e a Casa do Medo (BR)
 Estados Unidos
1945 • P&B • 69 min 
Direção Roy William Neill
Roteiro Roy Chanslor
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

The House of Fear (br: Sherlock Holmes e a Casa do Medo) é um filme americano de 1945, do gênero aventura dirigido por Roy William Neill. É mais um caso do detetive Sherlock Holmes, da série de cinema com o ator Basil Rathbone interpretando o famoso detetive. Roteiro de Roy Chanslor, baseado na história The Adventures of the Five Orange Pips (br: As Cinco Sementes de Laranja) de Arthur Conan Doyle. Foi o décimo filme da dupla de atores Rathbone-Bruce que interpretou Sherlock Holmes e Doutor Watson.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Sherlock Holmes e seu inseparável companheiro, o Dr. Watson, são chamados para desvendar os crimes que ocorrem em uma mansão, onde cada vítima é previamente avisada ao receber sementes de laranja.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Seções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios.
  • Depois de empolgar os críticos e os fãs com alguns lançamentos de filmes de Sherlock Holmes, a Universal decidiu que estava na hora lançar novas histórias Holmes, mas no período de tempo do lançamento original. Este filme é uma tentativa de reviver a cidade de Londres com suas ruas nebulosas e as suas carruagens puxadas a cavalo! Holmes e Watson trabalham duro para resolver outro intrincado assassinato, desta vez numa viagem à Escócia! Porém, neste caso, é Watson que descobre a pista vital que conduz Holmes a solucionar o crime. Embora nos créditos conste que o argumento baseou-se no livro, Adventure of the Five Orange Pips, o enredo principal tem muito mais em comum com And Then There Where None, de Agatha Christie. Belíssima fotografia em preto e branco, retratando todo o clima vitoriano da Londres do século XIX.
  • Se vê em muitos filmes de Sherlock Holmes,o Dr.Watson sendo interpretado por atores gordos,o que não é verdade.Pois nos manuscritos opriginais de Sir Arthur Conan Doyle,nunca foi descrito que a aparência física de Watson era de um homem obeso.Na verdade,esses filmes hollywoodianos sempre quiseram trata-lo como o ajudante atrapalhado de Sherlock Holmes.Em 2009,Dr.Watson foi interpretado com perfeição pelo ator Jude Law no filme Sherlock Holmes do diretor Guy Ritchie.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]