The Kinks Are the Village Green Preservation Society

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Kinks Are The Village Green Preservation Society
Álbum de estúdio de The Kinks
Lançamento 22 de Novembro de 1968
Gravação Novembro de 1966 - Outubro de 1968
Gênero(s) Rock
Duração 38:47
Gravadora(s) Pye , Reprise
Produção Ray Davies
Cronologia de The Kinks
Último
Último
Something Else by the Kinks
(1967)
Arthur (Or the Decline and Fall of the British Empire)
(1969)
Próximo
Próximo

The Kinks Are the Village Green Preservation Society é o sexto álbum de estúdio do grupo inglês de rock The Kinks, lançado em novembro de 1968. Ele foi o último álbum do quarteto original, como o baixista Pete Quaife deixou o grupo no início de 1969. Uma coleção de vinhetas temáticas da cidade inglesa e da vida aldeia, The Kinks Are the Village Green Preservation Society foi montado a partir de canções escritas e gravadas ao longo dos últimos dois anos.[1] O editor Stephen Thomas Erlewine descreveu o Green Village como um álbum conceitual "lamentando o falecimento de antigas tradições inglesas ".[1] Embora considerada uma das obras mais influentes e importantes por parte dos Kinks, ele só vendeu cerca de 100.000 cópias. Em 2003, o álbum foi classificado no número 255 na lista da Revista Rolling Stone dos Anexo:Lista dos 500 melhores álbuns de sempre da revista Rolling Stone.

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "The Village Green Preservation Society" - 2:54
  2. "Do You Remember Walter?" - 2:28
  3. "Picture Book" - 2:36
  4. "Johnny Thunder" - 2:32
  5. "Last of the Steam Powered Trains" - 4:11
  6. "Big Sky" - 2:52
  7. "Sitting by the Riverside" - 2:24
  8. "Animal Farm" - 3:02
  9. "Village Green" - 2:12
  10. "Starstruck" - 2:27
  11. "Phenomenal Cat" - 2:39
  12. "All of My Friends Were There" - 2:26
  13. "Wicked Annabella" - 2:44
  14. "Monica" - 2:21
  15. "People Take Pictures of Each Other" - 2:20

Referências

  1. a b Erlewine, Stephen Thomas. "The Kinks Are the Village Green Preservation Society > Review" (em inglês) no Allmusic. Acessado em 27 November 2009.