The Marvel Super Heroes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The Marvel Super Heroes
Informação geral
Formato Série de desenho animado
Duração 30
País de origem  Canadá
Idioma original inglês
Produção
Produtor(es) Grantray-Lawrence Animation
Exibição
Transmissão original 1966
N.º de temporadas 1
N.º de episódios 65 e 195 segmentos
(3 por episódio)

The Marvel Super Heroes é uma série de desenhos animados produzida pelo estúdio Grantray-Lawrence Animation do Canadá, baseada em Quadrinhos e personagens da Marvel Comics de 1966, apelidada no Brasil de Desenhos Desanimados da Marvel pelo fato dos desenhos serem paradões (imagens de quadrinhos animadas no processo de xerografia).[1] [2] Contudo, foi uma oportunidade para muitos fãs conhecerem as histórias de Stan Lee e principalmente os desenhos clássicos de Jack Kirby, Steve Ditko e Don Heck, dentre outros, artistas de destaque da chamada Era de Prata dos Quadrinhos.

A série foi ao ar no período de 1 de setembro de 1966 até 1 de dezembro de 1966, com 65 episódios de 30 minutos cada. Estrelavam cinco super-heróis: Capitão América, Namor, Homem de Ferro, Thor e Hulk, planejados para serem exibidos um em cada dia da semana. As aventuras de cada um dos heróis tinha três segmentos, que duravam cerca de 7 minutos (foram ao todo 195 segmentos). Os segundo e terceiros segmentos apresentavam um resumo do anterior, antes de continuar com a ação, conforme era prática nas histórias em quadrinhos. A abertura possuia as famosas "musiquinhas" cujas versões dubladas ficaram muito conhecidas no Brasil como os "hinos" dos respectivos heróis. Stan Lee disse que não se lembrava da reação dos artistas envolvidos no programa, mas pessoalmente, afirmou: "I wish I could claim to have written the [theme song] lyrics, because I think they're brilliant, but alas, I didn't". (Tradução aproximada: "Eu gostaria de dizer que fui o autor dos temas musicais, porque eu os achei brilhantes. Mas não fui eu").[3] Outra curiosidade para os fãs brasileiros foi a locução de Léo Batista, que dublava o narrador dos episódios de Namor e outros personagens.[4]

No Brasil[editar | editar código-fonte]

A série animada foi lançada no Brasil em 1967 pela TV Bandeirantes juntamente com as revistas em quadrinhos da Editora EBAL, como estratégia de uma grande campanha publicitária da companhia Shell, que distribuía exemplares das revistas gratuitamente nos postos de gasolina. No filme brasileiro O Homem Nu (1968), produzido com parte do patrocínio obtido pela citada companhia, pode-se ver com destaque pôsteres com os 5 super-heróis Marvel do desenho animado, colocados em uma vitrine: Capitão América, Hulk, Thor, Namor e Homem de Ferro.[4] [5] [6]

Em 1975, as séries foram exibidas no programa do Capitão Aza na TV Tupi e o super-heróis da editora eram publicados pela Bloch Editores.[4] [7]

Personagens da série[editar | editar código-fonte]

Além dos super-heróis protagonistas, apareceram pela primeira vez em uma animação vários vilões e coadjuvantes das histórias das revistas em quadrinhos da época. Dentre eles:

Astros convidados[editar | editar código-fonte]

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. Capitão América Parte 2 (em português). site TV Sinopse. Página visitada em 09/08/2009.
  2. , Revista Mundo dos Super-Heróis nº 13, Antonio Luiz Ribeiro Europa, RetrôTV - Heróis Desanimados, 66 a 71, Novembro de 2008
  3. "A Minute of Stan's Time" (sidebar by Adam McGovern), Jack Kirby Collector #41 (Fall 2004), p. 47
  4. a b c Super-Heróis Marvel (em português). RetrôTV. Página visitada em 09/08/2009.
  5. A história da Marvel no Brasil - Capítulo 1 – TV preto-e-branco, gasolina e o Capitão América (em português). site Fanboy. Página visitada em 09/08/2009.
  6. Resenha Dois Super Heróis Shell - Capitão Z # 0 (em português). Universo HQ. Página visitada em 09/08/2009.
  7. Roberto Guedes (08/06/2007). Nos tempos do Clube do Bloquinho (em português). site Bigorna.net. Página visitada em 09/08/2009.
  8. José Aguiar (21/06/2001). Lembra desse? Desenhos desanimados da Marvel (em português). site Omelete. Página visitada em 09/08/2009.
  9. Eric Goldman & Brian Zoromski (27/04/2009). The History of Wolverine and the X-Men on TV (em inglês). site IGN. Página visitada em 09/08/2009.
  10. José Aguiar (21/06/2001). Lembra desse? Desenhos desanimados da Marvel (em português). site Omelete. Página visitada em 09/08/2009.

Referências[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre animação é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.