The Men Who Stare at Goats

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The Men Who Stare at Goats
Homens Que Matam Cabras só com o Olhar (PT)
Os Homens que Encaravam Cabras (BR)
 Estados Unidos /  Reino Unido
2009 • cor • 95 min 
Direção Grant Heslov
Produção Paul Lister
George Clooney
Grant Heslov
Roteiro Peter Straughan (enredo)
Jon Ronson (livro)
Elenco George Clooney
Jeff Bridges
Ewan McGregor
Kevin Spacey
Género Comédia
Idioma Inglês
Música Rolfe Kent
Cinematografia Robert Elswit
Edição Tatiana S. Riegel
Estúdio BBC Films / Smoke House / Westgate Flm Services / Winchester Capital Partners
Distribuição Columbia Pictures
Lançamento 6 de novembro de 2009
Receita US$ 68.729.358
Site oficial
Página no IMDb (em inglês)

The Men Who Stare at Goats (br: Os Homens que Encaravam Cabras / pt: Homens Que Matam Cabras só com o Olhar) é um filme de comédia americano-britânico lançado em 2009. O filme foi dirigido por Grant Heslov e escrito por Peter Straughan, baseado em romance homônimo de Jon Ronson, sobre um relato da investigação de Ronson e John Sergeant[1] em tentativas por parte das forças militares dos EUA de usar poderes psíquicos.

História[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Bob Wilton (Ewan McGregor) é um jornalista americano que foi abandonado por sua esposa, Debora (Rebecca Mader). Para se recuperar do divórcio, ele aceita a tarefa de cobrir a [(Guerra do Iraque)] em 2003. Bob permanece em um hotel no Kuwait pois não consegue autorização para entrar no Iraque.

Um dia, no bar do hotel, Bob conhece Lyn Cassady (George Clooney), que lhe diz ser um vendedor. Ao saber seu nome Bob logo se lembra de uma entrevista que fez, meses antes, com Gus Lacey (Stephen Root). Gus dizia que recebera treinamento psíquico no exército americano (num grupo apelidado de Exército da Terra Nova, comandado pelo brigadeiro Bill Django (Jeff Bridges) e apoiado pelo general Hopgood, preocupado com os avanços dos soviéticos nessa área) e que Lyn era um dos soldados paranormais (apelidados de Jedi) mais poderosos, pois conseguia matar animais apenas com o poder da mente, bastando encará-los.

Lyn confirma a história de Lacey e revela que na verdade está no Kuwait em uma missão secreta e precisa entrar escondido no Iraque. Animado com o furo, Bob quer ir junto mas só convence Lyn a levá-lo quando ele vê um desenho do Olho da Providência feito pelo repórter (Lyn tem uma tatuagem igual no corpo e explica que é simbolo da paranormalidade e que Bob pode ter inatas tais capacidades).

É o início de uma trajetória que fará com que Bob conheça melhor o Exército de Terra Nova e os poderes de seus integrantes, além de a si mesmo.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

The Men Who Stare at Goats tem recepção mista por parte da crítica especializada. Com tomatometer de 52% em base de 205 críticas, o Rotten Tomatoes publicou um consenso: "The Men Who Stare at Goats é um vislumbre principalmente divertido; ridículo de homens em guerra, alguns podem achar sua sátira e humor negro menos nervosa". Por parte da audiência do site tem 39% de aprovação.[3]

Referências

  1. Sergeant, John. "How My Involvement with The Men Who Stare at Goats Was Erased Entirely", Huffington Post, 18 de Novembro, 2009.
  2. The Men Who Stare at Goats (em português). InterFilmes. Página visitada em 12 de março de 2014.
  3. The Men Who Stare at Goats (em inglês). Rotten Tomatoes. Página visitada em 12 de março de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre The Men Who Stare at Goats