The Miseducation of Lauryn Hill

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The Miseducation of Lauryn Hill
Álbum de estúdio de Lauryn Hill
Lançamento 25 de Agosto de 1998
Gravação 1997 - 1998
Gênero(s) Neo soul, R&B, hip hop, soul, hip hop soul
Duração 77:39
Gravadora(s) Ruffhouse, Columbia Records
Produção Lauryn Hill, Vada Nobles, Johari Newton, Tejumold Newton, Rasheem Pugh
Cronologia de Lauryn Hill
Último
Último
MTV Unplugged
(2002)
Próximo
Próximo

The Miseducation of Lauryn Hill é o álbum solo de estréia da norte-americana Lauryn Hill e único álbum de estúdio da mesma, lançado em 25 de agosto de 1998, pela Columbia Records. É marcado pela incorporação de elementos musicais do hip hop, soul, música gospel e reggae, o que posteriormente ajudou a definir o estilo chamado de neo soul[1] [2] . Este álbum está na lista dos 200 álbuns definitivos no Rock and Roll Hall of Fame[3]

Após seu lançamento, The Miseducation of Lauryn Hill foi ao mesmo tempo sucesso de crítica e comercial. O álbum estreou em primeiro lugar na Billboard 200 nos E.U.A., vendeu cerca de 400.000 cópias em sua primeira semana, quebrando um recorde de vendas na primeira semana por uma artista feminina na época de seu lançamento[4] . The Miseducation gerou uma série de singles, incluindo o sucesso "Doo Wop (That Thing)", "Everything is Everything", "To Zion", e "Ex-Factor". Em 1999, o álbum ganhou dez nomeações para o 41º Grammy Awards, ganhando cinco, fazendo de Hill a primeira mulher a receber esse montante em uma única noite. Desde seu lançamento, The Miseducation of Lauryn Hill já vendeu mais de 8 milhões de cópias nos Estados Unidos[5] .

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "Intro" (Lauryn Hill) - 0:47
  2. "Lost Ones" (Lauryn Hill, Che' Guevara, Vada Nobles) - 5:33
  3. "Ex-Factor" (Lauryn Hill) - 5:26
  4. "To Zion" (participação de Carlos Santana) (Lauryn Hill, Che' Guevara) - 6:09
  5. "Doo Wop (That Thing)" (Lauryn Hill) - 5:20
  6. "Superstar" (Lauryn Hill) - 4:57
  7. "Final Hour" (Lauryn Hill) - 4:16
  8. "When It Hurts So Bad" (Lauryn Hill) - 5:42
  9. "I Used To Love Him" (participação de Mary J. Blige) (Lauryn Hill) - 5:39
  10. "Forgive Them Father" (Lauryn Hill) - 5:15
  11. "Every Ghetto, Every City" (Lauryn Hill) - 5:14
  12. "Nothing Even Matters" (participação D'Angelo) (Lauryn Hill) - 5:50
  13. "Everything Is Everything" (Lauryn Hill) - 4:53
  14. "The Miseducation of Lauryn Hill" (Lauryn Hill) - 4:17
Faixas bônus
  1. "Can't Take My Eyes Off You" (Lauryn Hill) - 3:41
  2. "Tell Him" (Lauryn Hill) - 4:40

Período no topo das paradas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
Follow the Leader por Korn
Mechanical Animals por Marilyn Manson
Billboard 200
12 de Setembro - 2 de Outubro de 1998
10 - 17 de Outubro de 1998
Sucedido por
Mechanical Animals por Marilyn Manson
Vol. 2... Hard Knock Life por Jay-Z
Precedido por
Da Game Is to Be Sold, Not to Be Told por Snoop Dogg
Chyna Doll por Foxy Brown
Top R&B/Hip-Hop Albums
12 de Setembro - 10 de Outubro de 1998
27 de Fevereiro de 1999
Sucedido por
Vol. 2... Hard Knock Life por Jay-Z
Da Next Level por Mr. Serv-On

Referências