The Office

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Este artigo é sobre as várias versões da série The Office, apresentando e fazendo uma comparação entre The Office (UK), The Office (US), The Office (FR), The Office (CA) e The Office (DE).

The Office é uma premiada série humorística de televisão criada por Ricky Gervais e Stephen Merchant para o canal britânico BBC Two, e que rendeu quatro versões novas em outros países. A série simula um documentário que supostamente recolhe imagens do dia de trabalho de uma empresa e dos seus funcionários.

Nos Estados Unidos o canal NBC foi responsável pela versão americana da série, que estreou em 24 de março de 2005. O roteiro da versão americana tem episódios e personagens originais, que não foram baseados na série original, e o seu elenco contou com Steve Carrel, John Krasinski, Jenna Fischer, B. J. Novak e Rainn Wilson. Atualmente na nona temporada, a versão americana de The Office ganhou vários prêmios, incluindo o Emmy de 2006 por série de comédia, o prêmio Peabody, também em 2006, o Producers Guild Award, Writers Guild Award, SAG Award, Ace Eddie Award e o Television Critic's Association Award.

Em janeiro de 2008, a revista Variety anunciou [1] que a BBC cedeu a licença para remake da série para um canal do Chile. Em julho do mesmo ano a ABC News anunciou [2] que uma versão da série inglesa seria criada na Rússia. Em 2009 Ricky Gervais disse que "também há interesses da Índia para um remake".[carece de fontes?]

Versões[editar | editar código-fonte]

The Office (Reino Unido)[editar | editar código-fonte]

A versão britânica foi a primeira a ser produzida, tendo o seu primeiro episódio emitido em 9 de Julho de 2001. O projeto previa duas temporadas e um episódio especial de Natal. O Sucesso alcançado fez com que a NBC ficasse interessada na série e comprou os direitos de produção para os Estados Unidos.

The Office (EUA)[editar | editar código-fonte]

A versão americana surgiu após o sucesso britânico e teve a sua estreia em 24 de Março de 2005, dois anos após o término da versão britânica. Os criadores originais Gervais e Merchant são creditados como produtores executivos em conjunto com Ben Silverman, Howard Klein e Greg Daniels. A série continuou após a saída de Steve Carell em sua 7 temporada em Maio de 2011, e terminou em sua 9 temporada em 2013

The Office (França)[editar | editar código-fonte]

Uma adaptação francesa da série, com o título Le Bureau, foi ao ar em 25 de Maio de 2006. Produzido pelo Canal+, esta versão utiliza os mesmos roteiros da versão americana, fazendo apenas uma adaptação às referências culturais.

The Office (Canadá)[editar | editar código-fonte]

Esta versão destinada ao público do Canadá, produzido por Anne-Marie Losique, também teve uma mudança no título, sendo chamada La Job. É a mais recente adaptação e teve a sua estreia em 11 de Janeiro de 2007.

The Office (Alemanha)[editar | editar código-fonte]

Uma versão alemã chamada Stronberg também utilizou a série original, porém não detinha os direitos oficiais de produção. Mais tarde os criadores alemães adicionaram Ricky Gervais aos créditos. Ricky Gervais, disse ainda que ele "não podia entrar em detalhes mas, sim, houve um acordo e estamos muito contentes com isso"[3] .

Comparação[editar | editar código-fonte]

Ocupação Reino Unido The Office
BBC Two
Estados Unidos The Office
NBC
França Le Bureau
Canal+
Canadá La Job
Bell ExpressVu
Alemanha Stromberg
ProSieben
Nome da Empresa Wernham Hogg Slough branch Dunder-Mifflin Scranton branch Cogirep Villepinte branch Les Papiers Jennings Côte-de-Liesse, Saint-Laurent, branch Capitol-Versicherung
Gerente Regional David Brent
(Ricky Gervais)
Michael Scott
(Steve Carell)
Gilles Triquet
(François Berléand)
David Gervais
(Antoine Vézina)
Bernd Stromberg
(Christoph Maria Herbst)
Representante de vendas Tim Canterbury
(Martin Freeman)
Jim Halpert
(John Krasinski)
Paul Delorme
(Jérémie Elkaïm)
Louis Tremblay
(Sébastien Huberdeau)
Ulf Steinke
(Oliver Wnuk)
Recepcionista Dawn Tinsley
(Lucy Davis)
Pam Beesly
(Jenna Fischer)
Laetitia Kadiri
(Anne-Laure Balbir)
Anne Viens
(Sophie Cadieux)
Tanja Seifert
(Diana Staehly)
Assistente do gerente regional Gareth Keenan
(Mackenzie Crook)
Dwight Schrute
(Rainn Wilson)
Joël Liotard
(Benoît Carré)
Sam Bisaillon
(Paul Ahmarani)
Berthold "Ernie" Heisterkamp
(Bjarne I. Mädel)
Empregado do armazém e noivo da recepcionista Lee
(Joel Beckett)
Roy Anderson
(David Denman)
Ludovic Correia
(Julien Favart)
Luc
(Martin Tremblay)
Roland
(Nunca apareceu)
Represantante de vendas Chris Finch
(Ralph Ineson)
Todd Packer
(David Koechner)
Didier Leguelec
(Jean-Pierre Loustau)
Rocky Larocque
(Yves Amyot)
Theo
(Andreas Schmidt)
Representante da matriz Jennifer Taylor-Clarke
(Stirling Gallacher)
Jan Levinson-Gould
(Melora Hardin)
Juliette Lebrac
(Astrid Bas)
Emmanuelle Sirois-Keaton
(Nathalie Coupal)
Tatjana Berkel
(Tatjana Alexander)
Timo Becker
(Lars Gärtner)

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Golden Globe Awards
2004 - Melhor Série (comédia ou musical)
2004 - Melhor Ator (série cómica ou musical) em televisão - (Ricky Gervais)
2006 - Melhor Ator (série cómica ou musical) em televisão - (Steve Carell)
Prémios Emmy
2006 - Melhor Série de Comédia
Screen Actors Guild Awards
2007 - Melhor Elenco (série de comédia)
2008 - Melhor Elenco (série de comédia)

Referências