The Pogues

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The Pogues
The Pogues ao vivo em 2004.
Informação geral
Origem Londres, Inglaterra
País  Reino Unido
Gênero(s) Celtic punk
Período em atividade 1982 - 1996
2001 - atualmente
Página oficial www.thepogues.com

The Pogues é uma banda de rock irlandesa, com uma mistura de música inglesa. Com música tradicional irlandesa a banda teve influências do punk rock e jazz. The Pogues foi formada em King's Cross, um bairro situado a norte de Londres, em 1982 por Shane MacGowan.[1]

Após o aparecimento do movimento musical punk rock a banda emerge empregando uma mistura entre musica punk e [[Música da irlanda|música tradicional irlandesa]. Originalmente, o nome do grupo era Pogue Mahone (Pog mo Thoin em irlandês, o que significa "beije o meu traseiro"), tendo sido formado por Jem Finer, Spider Stacy e Shane MacGowan.[2] Os três tinham um fascínio pela música irlandesa o que os impulsionou à tomada de decisão em principiarem as suas próprias versões das músicas tradicionais. Quando finalmente lançaram o seu primeiro disco, "Red Roses for Me" em 1984, a editora havia exigido para modificar o nome para o atual "The Pogues".

Um famoso grupo de farristas e alcoólatras, capazes de transformarem um espaço em admiráveis ambientes musicais, não só pela música mas pelos distúrbios nos seus concertos assim como pelas desafinações em relação à discografia. Os problemas do cantor e compositor Shane MacGowan com o álcool levaram-no a sujeitar-se a frequentes tratamentos de desintoxicação de álcool, na época em que editaram as suas célebres músicas presentes no disco "Hell´s Bitch" (1990).

Em 1991, a banda parte para uma digressão nos Estados Unidos com a ausência de Shane MacGowan, que havia sido expulso do grupo. Este teria continuado a sua carreira com uma nova banda chamada Shane Macgowan & The Popes. Contanto, a banda The Pogues seria constituida por Joe Strummer, o ex-vocalista do The Clash. Durante a década de 90 a banda grava um disco a par de Spider Stacy enquanto vocalista, no entanto, em meados da década, o grupo ter-se-ia desfeito.[3]

Em 2001 a banda voltou a reunir-se novamente, organizando regularmente concertos e publicando vários álbuns em direto assim como compilações, contudo não produziram quaisquer álbuns em estúdio.

Membros atuais[editar | editar código-fonte]

  • Shane MacGowan: 1982–1991, 2001–
  • Spider Stacy: 1982–1996, 2001–
  • Philip Chevron: 1985–1994, 2001–
  • James Fearnley: 1982–1993, 2001–
  • Terry Woods: 1986–1994, 2001–
  • Jem Finer: 1982–1996, 2001–
  • Andrew Ranken: 1982–1996, 2001–
  • Darryl Hunt: 1986–1996, 2001–
  • Ella Finer (Membro semioficial) 2005– (Vocalista em Fairytale of New York)

Outros membros[editar | editar código-fonte]

  • Cait O'Riordan: 1982–1986, 2004
  • Joe Strummer: 1991 (também substituto de Phil Chevron no tour de 1987)
  • Jamie Clarke: 1993–1996
  • Dave Coulter: 1993–1996
  • James McNally: 1993–1996

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • Red Roses for Me (1984)
  • Rum, Sodomy, and the Lash (1985)
  • Poguetry in Motion (EP, 1986)
  • If I Should Fall From Grace With God (1988)
  • Peace and Love (1989)
  • Yeah Yeah Yeah Yeah Yeah (EP, 1990)
  • Hell's Ditch (1990)
  • Waiting for Herb (1993)
  • Pogue Mahone (1996)
  • The Best of The Pogues (1991)
  • The Rest of The Best (1992)
  • The Very Best Of The Pogues (2001)
  • Streams of Whiskey: Live in Leysin, Switzerland 1991 (2002)
  • The Ultimate Collection including Live at the Brixton Academy 2001 (2005)
  • Dirty Old Town: The Platinum Collection (Budget CD) (2005)
  • Just Look Them Straight In The Eye and Say....POGUE MAHONE!! (Antología/Caja de rarezas) (2008)

Filmografia[editar | editar código-fonte]

  • Straight to Hell (1987), dirigida por Alex Cox.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Flag of Ireland.svgGuitarra masc.png Este artigo sobre uma banda ou grupo musical da Irlanda, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.