Tito Pompónio Ático

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde Julho de 2011). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde Fevereiro de 2008).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.

Tito Pompónio Ático, em latim Titus Pomponius Atticus (ca. 110 a.C.32 a.C.), foi um cavaleiro romano[1] e Patrono das Letras, Atticus é recordado como grande amigo e confidente de Cícero sendo-lhe dedicado o tratado deste filósofo sobre a amizade, De Amicitia. A correspondência entre os dois está preservada nos dezesseis volumes das "Cartas a Ático" (Epistulae ad Atticum).

Ático foi um romano que viveu nos últimos tempos da república, tendo sido o grande amigo de Cícero e também amigo do historiador Cornélio Nepos. Era ferrenho epicurista, e por isso Cícero (mais próximo do estoicismo) o coloca como seu opositor em vários dos seus diálogos.

  • Das correspondências de Cícero, sobressaem-se em quantidade e importância os dezesseis livros de cartas a Ático (Epistulae ad Atticum libri XVI)
  • Ático aparece como dialogante em diversos tratados de Cícero:
    • Brutus
    • Academica posteriora


Ele foi o avô materno de Vipsânia Agripina,[Nota 1] [1] esposa do imperador Tibério.[2]

Notas e referências

Notas

  1. Isso pode ser inferido pelo texto de Tácito, que menciona Tito Pompónio Ático como bisavô de Druso, e este como filho de Vipsânia e Tibério.

Referências