Tokyo (banda)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Tokyo
Informação geral
Origem São Paulo, SP
País Brasil Flag of Brazil.svg
Gênero(s) Punk rock, Post-punk, New wave, Indie rock
Período em atividade 1984 - 1989
Gravadora(s) Som Livre
Epic Records
Ex-integrantes Supla
Andrés
Bidi
Conde
Marcelo Zarvos
Rocco

Tokyo foi uma banda brasileira que surgiu em 1984,[1] [2] com um estilo pop rock e que revelou o cantor punk Supla e o produtor de MPB BiD (na época Bidi, guitarrista). Fizeram sucesso com as canções "Humanos" e "Garota de Berlim".[3]

História[editar | editar código-fonte]

No início, a banda teve como nomes Zig Zag e Metrópolis, mais tarde mudando para Tokyo.[2] [4] O primeiro lançamento da banda foi um compacto simples com a canção "Mão Direita", que foi lançada pela gravadora Som Livre e acabou sendo censurada devido a sua letra que tratava sobre masturbação.[5] [4]

Em seguida mudaram para a gravadora Epic Records, onde lançaram a canção "Humanos", que foi o primeiro sucesso radiofônico da banda.[6] No mesmo ano lançaram Humanos,[2] álbum de estreia da banda. Na época a imprensa rotulou a banda de os "punks de butique".[6] O single seguinte foi "Garota de Berlim", faixa composta pelo pintor Rodrigo Andrade em 1982.[7] "Garota de Berlim" contava com a participação da roqueira alemã Nina Hagen,[1] e foi sucesso em 1986.[8] Neste mesmo disco, Cauby Peixoto participa de uma faixa denominada "Romântica". Após o lançamento do primeiro álbum, Bid deixou a banda e foi substituído por Conde Novaes.[3] [1]

Em 1987 lançaram o álbum O Outro Lado,[2] que não obteve sucesso. Entretanto a canção "Metralhar e Não Morrer" chegou a tocar em algumas rádios.[1] A banda encerrou as atividades dois anos depois.[1]

Integrantes[editar | editar código-fonte]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Singles[editar | editar código-fonte]

Ano Single Álbum
1985 "Mão Direita / Humanos" Compacto simples
"Humanos" Humanos
1986 "Garota de Berlim"
"Intenções"
1987 "Metralhar e Não Morrer" O Outro Lado

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e Biografia de Tokyo (em português) CliqueMusic. Página visitada em 19 de agosto de 2012.
  2. a b c d Tókio - Dados Artísticos (em português) Dicionário Cravo Albin da Música Popular Brasileira. Página visitada em 24 de fevereiro de 2014.
  3. a b Carlos Calado (16 de junho de 2000). BiD: produtor brasileiro for export (em português) CliqueMusic. Página visitada em 22 de fevereiro de 2014.
  4. a b O roqueiro Supla estará agitando a Praça de Eventos nesta sexta-feira 25 em Caraguá UOL. Página visitada em 22 de fevereiro de 2013.
  5. Pedro Alexandre Sanches (19 de novembro de 2001). Supla lança nas bancas os hits de "Casa dos Artistas" (em português) Site da Folha de S. Paulo. Página visitada em 26 de outubro de 2012.
  6. a b Alexandre Nagado (31 de janeiro de 2002). Lembra desse? Tokyo - o berço do Supla (em português) Omelete. Página visitada em 26 de outubro de 2012.
  7. Alexandra Moraes (23 de dezembro de 2002). Retrato do artista quando jovem (em português) Folha de S. Paulo. Página visitada em 26 de abril de 2014.
  8. Década foi do punk rock (em português) Folha de S. Paulo (15 de janeiro de 1996). Página visitada em 24 de abril de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Flag of Brazil.svgGuitarra masc.png Este artigo sobre uma banda ou grupo musical do Brasil, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.