Tom Barry

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Tom Barry
Nascimento 1 de julho de 1897
Killorglin, Condado de Kerry
Morte 2 de julho de 1980 (83 anos)
Cork
País  Irlanda
Força Flag of the British Army.svg Exército Britânico
República da Irlanda Exército Republicano Irlandês
Hierarquia General
Batalhas/Guerras Primeira Guerra Mundial
Guerra da Independência da Irlanda
Guerra Civil Irlandesa

Thomas "Tom" Barry (1 de julho de 1897 – 2 de julho de 1980) foi um dos mais proeminentes líderes de guerrilha do Exército Republicano Irlandês (IRA) durante a Guerra de Independência da Irlanda de 1922. Em um dos combates mais notórios deste conflito, ele liderou um grupo de 100 combatentes a escapar de uma emboscada em Crossbarry, contra uma força de 1 200 soldados ingleses.[1]

Após a independência da Irlanda ser conquistada, ele se opôs (junto com a facção mais radical do movimento republicano irlandês) ao governo que sucedeu o domínio britânico, mas acabou no lado perdedor da subsequente guerra civil. Ele foi preso pelas forças do Estado Livre Irlandês em maio de 1923. Solto no ano seguinte, ele continuou a trabalhar com grupos extremistas pró-republicanos, especialmente na região norte do país. Em 1949, escreveu suas memórias, intitulado Guerilla Days in Ireland ("Dias de Guerrilha na Irlanda"). Barry faleceu em julho de 1980.[2]

Referências

  1. Ryan, Meda. The Tom Barry story. Dublin: Mercier Press, 1982. p. 12. ISBN 978-0-85342-672-1.
  2. Peter Hart, ‘Barry, Thomas Bernardine (1897–1980)’, Oxford Dictionary of National Biography, Oxford University Press, 2004
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.