Couraçado Tsesarevich

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Tsesarevich)
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde janeiro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Encouraçado Tsesarevich
Encouraçado Tsesarevich
Encouraçado Tsesarevich
Origem    Bandeira do país de origem
Lançamento 1900
Em serviço 1901-1918
Características gerais
Deslocamento 12,915t (standard;)
13,122t (full load)
Comprimento 118,5 m (388 ft)
Boca 23,2 m (76 ft)
Calado 8,5 m (27 ft)
Propulsão 2 motores à vapor de expansão tripla
20 caldeiras
1.350 toneladas de carvão
Velocidade 18,5 knots (34,3 km/h)
Autonomia 5,500 milhas nauticas (10,200 km/h)
Armamento 4 canhões de 305 mm
12 canhões de 152 mm
16 canhões de 75 mm
4 canhões de 47 mm
6 tubos de torpedo de 457 mm
Tripulação 744-803 homens

O Encouraçado Tsesarevich foi construído na França e entregue à marinha russa em 1901. Logo após ser comissionado, o navio partiu para Port Arthur.

Batalha do Mar Amarelo[editar | editar código-fonte]

Em 10 de agosto de 1904. a frota russa sob o comando do Almirante Wilgelm Vitgeft tentou furar o bloqueio japonês em Port Arthur, mas o Almirante Togo avistou os russos e iniciou uma feroz perseguição. O Tsesarevich foi intensamente bombardeado, um dos tiros atingiu a ponte de comando e matou o Almirante Vitgeft. Os russos decidem retornar para Port Arthur, mas o Tsesarevich viaja até Tsingtao para ser reparado.

Destino[editar | editar código-fonte]

Após a queda do Czar Nicolau II e a Revolução Bolchevique, os comunistas preferiram vender grande parte dos navios russos, incluindo o Tsesarevich que foi vendido como sucata e desmontado na Alemanha em 1918.