Tuor

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Tuor
Personagem da Terra Média
O casamento de Tuor e Idril
O casamento de Tuor e Idril
Raça Homens
Divisão Edain
Família Casa de Hador
Outros Nomes Eladar, Ulmondil
Data de Nascimento Nascido em Beleriand no ano 471 da 1ª Era do Sol
Data de Falecimento Navegou para o oeste no ano 560 da 1ª Era do Sol quando desapareceu para sempre
Primeira aparição
em Livro
O Silmarillion
Personagems Criados por J.R.R. Tolkien


Portal A Wikipédia possui o
Portal Terra-média


Tuor Eladar é um personagem do mundo ficcional da Terra Média, de J. R. R. Tolkien. Ele foi apresentado em nos Contos Inacabados, como um herói dos Homens da Primeira Era. Ele é avô de Elrond, e um dos grandiosos antepassados dos Númenorianos, sendo então também de Aragorn. Junto com Beren e Aragorn, ele é um dos 3 da raça dos homens que se casaram com elfas.

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Rían, mãe de Tuor, foge de Dor-lómin quando chegam rumores de Nirnaeth Arnoediad. Fica desnorteada e quase perece, mas a intervenção dos elfos-cinzentos a ajuda a sobreviver. Os elfos-cinzentos possuiam habitação em nas montanhas oeste do Lago Mithrim, e pra lá a levaram, onde ela deu à luz Tuor.

Filho de Huor, sobrinho de Húrin, primo de Túrin Turambar, Tuor é o pai de Eärendil, foi criado por estes elfos, até partirem, fugindo da guerra. Na fuga, Tuor se perder do grupo, e vive sozinho e escondido em cavernas. Durante algum tempo permanece na área, pois não encontra o caminho secreto utilizado pelos elfos para furgir. Certo dia, ao entonar uma cançã na beira de um lago, esse começa a borbulhar e então aparece a passagem secreta. Na passagem encontra dois elfos, e estes lhe mostram o caminho, e Tuor passa dias na passagem.

Como sempre teve um desejo enorme pelo mar, teve um sonho. Então saiu em busca de Ulmo, que o guiava, passando pelas bordas de Nevrast, e assim chegando a Vinyamar. O propósito de Ulmo era fazê-lo seu mensageiro para ir a Turgon em Gondolin. Assim, ao chegar naquele palácio acha um elmo, uma túnica e uma espada, que anteriormente Ulmo havia pedido que fossem colocados atrás do trono. Diante do rei de Gondolin Ulmo fala através dele e os elfos sentem que é o próprio Vala falando. Lá desposou Idril. Após a Queda de Gondolin, Tuor fugiu com os exilados de diversas terras para a Foz do Sirion, mas sentindo cansaço daquilo tudo, fez Eärrámë e partiu para o oeste com Idril, não se tendo mais notícias sobre ele. Diz-se que tornou-se imortal como os elfos, passando a viver entre eles.

Ícone de esboço Este artigo sobre a obra de J. R. R. Tolkien é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.