Tuparendi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Tuparendi
Bandeira desconhecida
Brasão de Tuparendi
Bandeira desconhecida Brasão
Hino
Fundação 10 de setembro de 1959
Gentílico tuparendiense
Lema O Sol Nasce Para Todos
Prefeito(a) Ivo Turra (PP)
(2013–2016)
Localização
Localização de Tuparendi
Localização de Tuparendi no Rio Grande do Sul
Tuparendi está localizado em: Brasil
Tuparendi
Localização de Tuparendi no Brasil
27° 45' 21" S 54° 28' 55" O27° 45' 21" S 54° 28' 55" O
Unidade federativa  Rio Grande do Sul
Mesorregião Noroeste Rio-grandense IBGE/2008 [1]
Microrregião Santa Rosa IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Porto Mauá, Novo Machado, Tucunduva, Santa Rosa, Santo Cristo e Alecrim.
Distância até a capital 509 km
Características geográficas
Área 307,675 km² [2]
População 8 557 hab. Censo IBGE/2010[3]
Densidade 27,81 hab./km²
Altitude 328 m
Clima Subtropical úmido
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,802 muito alto PNUD/2000 [4]
PIB R$ 126 833,052 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 14 193,49 IBGE/2008[5]
Página oficial

Tuparendi é um município brasileiro do estado do Rio Grande do Sul.

História[editar | editar código-fonte]

Antiga aldeia de indígenas, as terras do atual município começaram a ser povoadas em 1914 por colonizadores, principalmente alemães e italianos, cuja principal atividade era a agricultura. O povoado progrediu, sendo elevado à categoria de distrito de Santa Rosa, denominando-se Belo Centro.

A fundação do município foi dada por emancipacionistas, dos quais se destaca Amadeu do Prado Mallmann (que dá o nome a uma escola estadual da cidade, situada na rua de mesmo nome). Tuparendi emancipou-se de Santa Rosa em 10 de setembro de 1959.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localiza-se a uma latitude 27º45'23" sul e a uma longitude 54º28'54" oeste, estando a uma altitude de 328 metros. Sua população estimada em 2004 era de 9 363 habitantes. Seu clima é do tipo subtropical úmido, com temperatura média anual de 17°C.

Turismo[editar | editar código-fonte]

Destaca-se por estar em uma área onde céu azul tem beleza ímpar, assim como a amizade e a hospitalidade do povo é motivo de orgulho de todos. Já foi chamada de "fronteira da amizade", porém, na atualidade, é conhecida como "cidade do mais belo céu".

Economia[editar | editar código-fonte]

A economia do município de Tuparendi tem como principal característica a agricultura familiar, em pequenas e médias propriedades, com um setor de serviços muito dependente da produção agrícola e uma pequena presença industrial. O setor de serviço tem uma estrutura ampla e com um papel central na economia de Tuparendi, representando 55,48% do PIB a preço de mercado, atinge diversas necessidades do mercado consumidor, porém a sua característica de maior relevância é o elevado grau de especialização no setor agrícola (cerealistas, empresas de manutenção de equipamentos agrícolas, assistência técnica, etc.), portanto uma forte dependência do setor agrícola. A indústria manufatureira tem um papel importante para a economia local, porém a sua presença é ainda muito pequena e com forte dependência do setor agrícola, no PIB de 2005 representou apenas 11,21% do PIB a preço de mercado, destaca-se nesse setor a empresa Fankhauser do setor metal-mecânico, empresa especializada na produção de equipamentos agrícolas, além de outras empresas, como as de confecções e de móveis, sendo em sua grande maioria empresas de micro e pequeno porte, além de algumas agroindústrias de caráter associativo e privado, que produzem alguns produtos como embutidos, cachaça, melado, açúcar, etc. O setor agrícola de Tuparendi é o propulsor do desenvolvimento local, apesar de não ser o setor de maior participação no Produto Interno Bruto (26,19%), tem grande influência nos demais setores. Destaca-se a produção destinada a exportação, na agricultura, maior ênfase a produção de soja, milho e trigo, na agropecuária destaca-se a suinocultura em franca ascensão e a bovinocultura para a produção de carne e leite, com maior intensidade no segundo. Uma característica marcante das últimas décadas do setor agrícola de Tuparendi é uma migração crescente dos produtores tradicionais do triênio, soja, milho e trigo, para a produção leiteira e de forma secundária para a produção de culturas alternativas, como é caso dos hortigranjeiros, além de um processo mais recente de expansão da suinocultura, após um período de retração da atividade no município.

Divisão administrativa[editar | editar código-fonte]

Além da sede, Tuparendi possui, atualmente, dois distritos: Cerro Alto e Cinqüentenário. O município de Porto Mauá era distrito de Tuparendi até 20 de março de 1992, quando emancipou-se.

Educação[editar | editar código-fonte]

Possui oito escolas de ensino fundamental e médio,a saber: E.E. de Ens. Fundamental Andrea Parise; E.E. de Ens. Fundamental Amadeu do Prado Mallmann; E.E. de Educação Básica Yeté; E.M. de Ens. Fundamental Salgado Filho; E.M. de Ens. Fundamental Dez de Maio; E.M. Vendelino Waldemar Rauber; E.M. Santino de O. Ferreira; E.M. Hermínia Sichinel;

A Escola Estadual Yeté, que foi criada pelo Decreto nº 13.316 de 16 de março de 1962, com a denominação na época de Ginásio Estadual de Tuparendi, atualmente oferece o Ensino Fundamental e é a única no Município que oferece o Ensino Médio.

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil. Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial. Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  3. Censo Populacional 2010. Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Página visitada em 11 de dezembro de 2010.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil. Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 11 dez. 2010.