Turonio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2014).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa (desde março de 2010). Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.

Única região do convento bracarense que não se sumou a Portugal no momento da sua independência. Pertencia daquela ao Bispado de Tui da mesma maneira que outras regiões do Minho. Portugal reclamou a sua soberania sobre ele em diferentes ocasiões mas nunca a obteve durante demasiado tempo.

Geograficamente linda ao Norte com a Ria de Vigo e o Rio Verdugo ao Leste e Sul com o Rio Minho. Na actualidade é um topónimo pouco empregado mas em processo de recuperação.

O seu território é conhescido pela cidade de Vigo, a cidade maior de Galiza.