Twelve Monkeys

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Twelve Monkeys
Doze Macacos (PT)
Os Doze Macacos (BR)
 Estados Unidos
1996 • cor • 129 min 
Direção Terry Gilliam
Produção Charles Roven
Roteiro Chris Marker
David Webb Peoples
Elenco Bruce Willis
Madeleine Stowe
Brad Pitt
Género ficção científica
Idioma inglês
Música Paul Buckmaster
Edição Mick Audsley
Lançamento 5 de janeiro de 1996
Página no IMDb (em inglês)

Twelve Monkeys (Os Doze Macacos no Brasil, Doze Macacos em Portugal) é um filme americano de ficção científica de 1996, escrito por David e Janet Peoples e dirigido por Terry Gilliam. O filme trata com viagens no tempo e memória, e foi inspirado pelo curta-metragem francês La Jetée. Os atores principais do filme são Bruce Willis, Madeleine Stowe e Brad Pitt[1] .

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Em 1997, a humanidade foi devastada por um vírus. O presidiário James Cole (Bruce Willis) aceita voltar ao passado para tentar descobrir a origem do vírus mortal. No passado, ele é tido como louco e o filme mostra a sua tentativa de descobrir a origem do vírus e de convencer a psiquiatra Kathryn Railly (Madeleine Stowe) da veracidade da sua história. A médica, pouco a pouco, coleta evidências que demonstram que a história contada por James pode ser real e tenta ajudá-lo na sua missão.

James Cole é primeiramente mandado por acidente ao ano errado, sendo assim impossível mostrar as pessoas que falava a verdade sobre a conspiração para destruir a humanidade. Ele é considerado louco e passa um tempo no hospício, onde conhece Jeffrey Goines (Brad Pitt), futuro criador do grupo "Os Doze Macacos". Após algumas discussões com Jeffrey sobre a destruição da humanidade por um vírus, ele decide ajudar Cole a escapar, dando-lhe a chave para abrir o portão principal onde permaneciam durante a tarde e criando uma distração. A tentativa é falha e James é pego e amarrado para testes psicológicos. É então que ele é mandado de volta para 2035 e desaparece do hospício sem explicações.

Após contar tudo aos cientistas eles decidem lhe dar outra chance porém desta vez o mandam a primeira guerra mundial onde é ferido por um projetíl após encontrar seu amigo José, pois quando James Cole é mandado para o passado outros voluntários também são mandados para a mesma época para garantir que nada dê errado. Após se reencontrar com sua psiquiatra ele diz que está ferido, quando retiram a bala da perna dele e dizem a psiquiatra que o projetíl é da primeira guerra mundial, ela passa acreditar na história de James e que ele pode realmente ter vindo do futuro, e passa a acreditar no vírus que exterminará 99% da humanidade.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

[2]

Prêmios e nomeações[editar | editar código-fonte]

ASCAP Award

  • Vencedor de maior bilheteira

Óscar

  • Nomeado a melhor ator coadjuvante (Brad Pitt)
  • Nomeado a melhor design de roupas (Julie Weiss)

Golden Globe Awards

  • Vencedor de melhor performance de um ator coadjuvante (Brad Pitt)

Elenco[editar | editar código-fonte]

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

12 Monkeys tem aclamação por parte da crítica especializada. Com o tomatometer de 88% em base de 58 críticas, o Rotten Tomatoes publicou um consenso: "A trama é um pouco de uma confusão, mas excelentes performances e reviravoltas alucinantes fazem de 12 Monkeys uma experiência eficazmente excêntrica". Por parte da audiência do site tem 88% de aprovação.[4]

Referências

  1. Twelve Monkeys IMDb (em inglês). Página visitada em junho de 2013.
  2. AdoroCinema (em inglês). Página visitada em agosto de 2013.
  3. Filme / DVD - Os 12 Macacos (Twelve Monkeys) - InterFilmes.com (em português). Página visitada em junho de 2013.
  4. 12 Monkeys (em inglês). Rotten Tomatoes. Página visitada em 3 de março de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.