Universidade Estadual do Piauí

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de UESPI)
Ir para: navegação, pesquisa
UESPI
Universidade Estadual do Piauí
Logo UESPI Piauí.jpg
Total de estudantes 28428
Reitor(a) Nouga Cardoso Batista
Vice-reitor(a) Barbara Melo
Estado Piauí
Afiliações CRUB, RENEX[1] e ABRUEM
Página oficial Site oficial da Universidade Estadual do Piauí
Instituições de ensino superior do Brasil Brasil

A Universidade Estadual do Piauí (UESPI) é uma instituição de ensino superior pública estadual, com sede na cidade de Teresina, capital do estado do Piauí, mantida pela Fundação Universidade Estadual do Piauí (FUESPI).

História[editar | editar código-fonte]

Ficheiro:Cartaz da UESPI em 1999.jpg
Cartaz da UESPI em 1999.

Surgida a partir da criação, em 1984 da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento da Educação do Estado do Piauí – FADEP, Pela Lei Estadual nº 3.967. No início da década de 1990 a personalidade jurídica evolui para Universidade Estadual do Piauí - UESPI. Em fins da década de 1990 expande sua atuação nas maiores cidades do Piauí, além da Bahia, Pernambuco e Maranhão[2] .

Reitores(as)[editar | editar código-fonte]

  • Profº. Dr. Jônathas de Barros Nunes
  • Profª. Socorro Cavalcante
  • Profª. Ms. Valéria Madeira Martins Ribeiro(eleita)
  • Profº. Ms. Carlos Alberto da Silva Pereira(eleito)

Campi[editar | editar código-fonte]

Campus Poeta Torquato Neto[editar | editar código-fonte]

É o campus sede da Universidade, onde funciona o Palácio Pirajá que abriga a Administração Superior (Reitoria, Pró-Reitores, Departamentos e Diretorias).

Funcionam no Campus os cursos de:

  • Ciências Contábeis
  • Segurança Pública
  • Administração de Empresas
  • Ciências da Computação
  • Biblioteconomia
  • Direito
  • Comunicação Social – Hab. em Jornalismo e Relações Públicas
  • Engenharia Civil
  • Engenharia Elétrica
  • Licenciatura Plena em Computação
  • Ciências Biológicas
  • Educação Física
  • Licenciatura em Física
  • Química
  • Matemática
  • Letras/Português
  • Letras/Inglês
  • Letras/Espanhol
  • Pedagogia
  • Turismo
  • Geografia
  • História
  • Medicina

Campus Clóvis Moura[editar | editar código-fonte]

Criado em 2001, por meio do Decreto N° 10.690, de 13 de Novembro, o Campus inicialmente recebeu o nome de Campus do Dirceu. Em 2005 a Lei Ordinária Nº 5.451, de 24/05/2005[3] , alterou sua denominação para Clóvis Moura(escritor natural da cidade de Amarante).

No Campus, funcionam os cursos de:

  • Geografia
  • História
  • Letras/Português
  • Pedagogia
  • Direito
  • Administração de Empresas
  • Ciências Contábeis
  • Licenciatura Plena em Matemática
  • Administração

Campus Alexandre Alves (Parnaíba)[editar | editar código-fonte]

Criado em 1991, o campus da cidade de Parnaíba é um dos maiores da Instituição e, em 2005, recebeu a denominação de professor Alexandre Alves.

No Campus são ofertados os cursos de:

Campus Drª Josefina Demes (Floriano)[editar | editar código-fonte]

Criado em 1991, o Campus Drª Josefina Demes, localizado na cidade de Floriano (a 240 quilômetros de Teresina), é o segundo maior da Universidade em número de alunos.

Em Floriano funcionam os cursos de:

  • Geografia
  • História
  • Enfermagem
  • Direito
  • Ciências Biológicas
  • Pedagogia
  • Letras/Português
  • Ciências Contábeis
  • Computação
  • Educação Física
  • Administração de Empresas

Drª Josefina Demes foi uma das imigrante árabes de Floriano, sendo a primeira mulher com um título de graduação na região. Era farmacêutica-bioquímica e os florianenses reivindicam para ela a invenção da aguardente alemã, também conhecida como tintura de jalapa.

Picos[editar | editar código-fonte]

O Campus de Picos também criado em 1991, fica localizado na cidade de Picos (330 quilômetros de Teresina). O primeiro curso implantado foi o de Ciências Contábeis. Em 1997 acontece a aula inaugural dos cursos de Ciências Biológicas e Direito, e a partir do ano 2000 os outros cursos foram sendo implantados.

Atualmente, o Campus oferece à comunidade os cursos de:

  • Administração de Empresas
  • Agronomia
  • Direito
  • Educação Física
  • Pedagogia
  • Ciências Contábeis
  • Letras/Português
  • Ciências Biológicas
  • Lic. Plena em Computação
  • Comunicação Social – HAB em Relações Públicas e Jornalismo
  • Enfermagem
  • Letras/Espanhol (EaD)
  • Administração Pública (EaD)

Corrente[editar | editar código-fonte]

O Campus de Corrente, está localizado na cidade com o mesmo nome e funciona desde 1993.

Corrente fica a pouco mais de 800 quilômetros de Teresina e lá são ofertados os cursos de:

Bom Jesus[editar | editar código-fonte]

O Campus Universitário da Cidade de Bom Jesus foi instituído em 2000. Lá, são oferecidos os cursos de:

  • Direito
  • Licenciatura Plena em Letras/Português

Campus Heróis do Jenipapo (Campo Maior)[editar | editar código-fonte]

O Campus de Campo Maior (82 quilômetros de Teresina) foi criado em 1993; em 11 de dezembro de 2003 a Lei Estadual nº 5.358[4] , conferiu a denominação de "Campus Heróis do Jenipapo". São oferecidos pela Universidade em Campo Maior os cursos de:

Campus Professor Wilson Brandão (Valença)[editar | editar código-fonte]

O Campus Universitário da Cidade de Valença do Piauí, foi criado em 2000, oferece à comunidade os cursos de Licenciatura Plena em Matemática e Pedagogia.

Banco artesanal de pedra no campus de Campo Maior.

Piripiri[editar | editar código-fonte]

O Campus Universitário da Cidade de Piripiri (160 quilômetros ao Norte de Teresina). Pela Lei Estadual Nº 5.500, de 11 de outubro de 2005[5] , passou a denominação personativa de Campus Prof. Antonio Geovanne Alves de Sousa. Conta com os cursos de:

  • Pedagogia
  • Direito
  • Licenciatura Plena em Computação
  • Licenciatura Plena em Letras/Inglês
  • Licenciatura Plena em Letras/Português
  • Licenciatura Plena em Química
  • Licenciatura Plena em Física

Curimatá[editar | editar código-fonte]

O Campus Universitário de Curimatá foi instituído em 2000. O Campus conta com o curso de graduação plena em Pedagogia.

Campus Possidônio Queiroz (Oeiras)[editar | editar código-fonte]

O Campus Possidônio Queiroz, da cidade de Oeiras, foi criado em 24 de janeiro de 2000. Em Oeiras são ofertados os cursos de:

  • Licenciatura Plena em História
  • Pedagogia
  • Computação
  • Licenciatura Letras/Português

Paulistana[editar | editar código-fonte]

O Campus Universitário da cidade de Paulistana (a cerca de 450 quilômetros ao Sul de Teresina). Em Paulistana são oferecidas as graduações em:

  • Matemática
  • Pedagogia.

Campus Professora Nair Bezerra Pereira Alves (Fronteiras)[editar | editar código-fonte]

Criado em 2001, o Campus Universitário de Fronteiras oferece os cursos de:

  • Administração de Empresas
  • Letras/Português
  • Pedagogia

Barras[editar | editar código-fonte]

O Campus Universitário da cidade de Barras, criado em 2001, oferece à comunidade os cursos de:

  • Pedagogia
  • Geografia
  • Ciências Contábeis

Luzilândia[editar | editar código-fonte]

O Campus Universitário da Cidade de Luzilândia foi instituído em 1999 e oferece as graduações de:

  • Computação
  • Pedagogia
  • Letras/Português

Uruçuí[editar | editar código-fonte]

O Campus Universitário da Cidade de Uruçuí oferece à comunidade os cursos de:

  • Agronomia
  • Administração de Empresas
  • Pedagogia

Galeria de imagens[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. [1]
  2. Revista Terra Querida. órgão de publicidade do governo do estado do Piauí. Edição 08, novembro de 2009.
  3. Publicada na edição Nº 98 do Diário Oficial do Estado do Piauí, de 27/05/2005 [2]
  4. Publicada no Diário Oficial do Estado do Piauí [3]edição N° 238, de 12-12-2003
  5. Diário Oficial do Estado do Piauí, edição numero 195, de 14 de outubro de 2005[4].