Universidade do Extremo Sul Catarinense

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de UNESC)
Ir para: navegação, pesquisa
UNESC
Universidade do Extremo Sul Catarinense
Tipo de instituição Universidade Comunitária
Docentes 678
Total de estudantes 10.256
Graduação 9.174
Reitor(a) Prof. Dr. Gildo Volpato
Vice-reitor(a) Prof. Dr. Marcio Fiori
Estado Santa Catarina
Afiliações ABRUEM
Página oficial http://www.unesc.net
Instituições de ensino superior do Brasil Brasil

A Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc) é uma universidade comunitária, localizada no município de Criciúma, no sul de Santa Catarina. Atua através do ensino, pesquisa e extensão em diversas áreas do conhecimento. Foi a primeira instituição de nível superior a ser implantada no sul do estado de Santa Catarina. O atual reitor da Unesc é o professor doutor Gildo Volpato, e o vice-reitor, o professor doutor Márcio Antônio Fiori, eleitos em 2009 pela comunidade acadêmica.

A Unesc entende que a pesquisa é uma dimensão fundamental nas universidades. Por isso, direciona várias ações para estimular e desenvolver a pesquisa nos vários níveis de sua atuação. Tanto que a universidade foi a primeira colocada no Ranking Ibero-Americano 2010 de publicação científica entre as universidades catarinenses não estatais, ficando atrás apenas da Federal de Santa Catarina UFSC e Estadual de Santa Catarina Udesc, e figurando em 71º entre as 109 instituições brasileiras citadas no ranking.[1]

Missão[editar | editar código-fonte]

Educar, por meio do ensino, pesquisa e extensão, para promover a qualidade e a sustentabilidade do ambiente de vida.

Visão[editar | editar código-fonte]

Ser reconhecida como uma universidade comunitária, de excelência na formação profissional e ética do cidadão, na produção de conhecimentos científicos e tecnológicos, com compromisso sócio-ambiental.

Histórico[editar | editar código-fonte]

No ano de 1968, um movimento comunitário regional realizou um seminário de estudos que visava à implantação do ensino superior no sul catarinense, que até então não contava com nenhuma entidade nessa área. Esse movimento contou com a participação de educadores, intelectuais, políticos, lideranças da sociedade e da imprensa, e no mês de junho do mesmo ano foi criada a Fundação Educacional de Criciúma (Fucri), que mais tarde seria a mantenedora da Unesc. No início oferecia apenas cursos voltados para o Magistério, mas com o crescimento do estado foram surgindo outras especializações para satisfazer a demanda das empresas por profissionais qualificados.

A Fucri iniciou suas atividades nas dependências do Colégio Madre Tereza Michel, e em 1971 passou a funcionar na Escola Técnica General Oswaldo Pinto da Veiga (SATC). Em junho de 1974, mudou para o Campus Universitário onde a Unesc fica até hoje, no bairro Universitário, em Criciúma. Até 1991, a Fucri mantinha quatro unidades de ensino: Faciecri, Esede, Estec e Escca. Com a integração dessas quatro escolas, surgiu a Unifacri – União das Faculdades de Criciúma.

Em junho de 1997, o Conselho Estadual da Educação aprovou por unanimidade a transformação da Unifacri em Unesc, tendo a Fucri como mantenedora. No mês de agosto daquele ano, a universidade recebeu sua “certidão de nascimento”, ao ser homologada pela Secretaria da Educação, e em novembro ocorreu a cerimônia de instalação oficial da Unesc.

Projetos de Extensão[editar | editar código-fonte]

Uma universidade de caráter comunitário como a Unesc justifica sua existência ao estabelecer uma relação interativa com a comunidade, por meio de ações que melhorem a qualidade de vida. Contando com o trabalho de acadêmicos, a universidade desenvolve atualmente 77 projetos de extensão permanentes junto à comunidade. Alguns deles são:

  • Adolescência saudável: princípios para uma sexualidade responsável;
  • Atenção nutricional ao idoso;
  • Arte e cultura na escola: contribuindo para a cidadania;
  • Estimulando a responsabilidade ambiental: coleta seletiva solidária em condomínios;
  • Inclusão digital nas escolas municipais de Criciúma com o uso de tecnologias educacionais;
  • Luz das Letras (inclusão digital na colônia de pescadores de Içara);
  • Segundo Tempo;
  • ProJovem;
  • Sala Verde;
  • Brinquedoteca;
  • Emagreça Feliz;
  • Amigos do Coração.

Dentre esses principais serviços estão ainda as Clínicas Integradas da Saúde e a Casa da Cidadania. Confira abaixo alguns números dos projetos, referentes ao primeiro semestre deste ano.

Clínicas Integradas da Saúde[editar | editar código-fonte]

  • Ambulatórios médicos
    • Consultas: 3.685
    • Eletrocardiogramas (serviço iniciado em abril/2010): 108
  • Clínicas de Fisioterapia
    • Clínica na Unesc: 805 pacientes e 4.481 atendimentos
    • Hospital Regional de Araranguá: 393 pacientes e 2.093 atendimentos
    • Total: 1.198 pacientes e 6.574 atendimentos
  • Clínica de Psicologia
    • Pacientes: 953
    • Atendimentos: 2.481
  • Ambulatórios de Nutrição
    • Ambulatório Clínico: 153 atendimentos
    • Atenção Multiprofissional ao Idoso: 42 atendimentos
    • Atletas: 35 atendimentos
    • Total: 230 atendimentos
  • Ambulatório de Enfermagem
    • Atendimentos: 1.062
  • Farmácia Escola
    • Atendimentos: 24 mil
  • Farmácia Solidária
    • Atendimentos: 7.698
    • Valor de medicamentos doados à população: R$ 251.779,19

Casa da Cidadania[editar | editar código-fonte]

As Casas da Cidadania prestam atendimento jurídico gratuito de consultoria, assessoria, conciliação, mediação e escritório modelo à comunidade de Criciúma, Cocal do Sul e região. O objetivo principal dessa ação é tentar resolver conflitos entre as pessoas pelo diálogo direto, evitando processos judiciais.

O projeto nasceu em agosto de 2000, a partir de uma iniciativa entre o Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina, o curso de Direito da Unesc e as prefeituras municipais de Criciúma e de Cocal do Sul. Os serviços são prestados por acadêmicos das duas últimas fases do curso de Direito da Unesc, acompanhados por professores/advogados do curso, e de Psicologia.

O projeto conta com cinco Casas da Cidadania em funcionamento, distribuídas em Criciúma e Cocal do Sul. Os atendimentos são gratuitos e destinados a pessoas com renda de até três salários mínimos. No primeiro semestre de 2010, 1.529 pessoas foram beneficiadas. Veja abaixo o número de atendimentos por unidade.

  • Centro: 479 atendimentos (fevereiro a maio)
  • Cocal do Sul: 129 (fevereiro a abril)
  • Próspera: 221 (março a abril)
  • Rio Maina: 339 (fevereiro a abril)
  • Juizado Informal Universitário: 331 (março a maio)

O original deste Edital encontra‐se assinado. EDITAL n.76/ UNESC Dispõe sobre os critérios para preenchimento de vagas remanescentes para seleção de estudantes de graduação e de professores de educação básica pública; para participar do Programa Observatório de Educação. O Reitor da Universidade do Extremo Sul Catarinense – UNESC, Professor Gildo Volpato, no uso de suas atribuições legais, na condição de gestor máximo da IES-sede, torna público o presente edital, que abre inscrições para preenchimento de vagas remanescentes dos Editais 40, 47 e 50/UNESC, que se referem ao projeto em rede “Ler & Educar: formação continuada de professores da rede pública de SC”, coordenado pelas Universidades Parceiras, UNESC, UFSC e UFFS. As vagas destinam-se à seleção de estudantes dos cursos de licenciatura, nas áreas de Letras e Pedagogia, regularmente matriculados nas IES Parceiras e de professores que atuam nas escolas de educação básica nos municípios onde estão instaladas as IES parceiras, com vistas a integrar a equipe do Programa Observatório da Educação – Edital 049/2012. DOS OBJETIVOS DO OBSERVATÓRIO DA EDUCAÇÃO – OBEDUC (Conf. Portaria nº 152, de 30 de outubro de 2012). Art. 1º - O objetivo do Programa é apoiar a realização de projetos de pesquisa em ensino e educação, vinculados aos Programas de Pós-graduação, que oferecem cursos de doutorado e/ou mestrado acadêmico ou mestrado profissional, com o objetivo de fomentar a produção acadêmica e a formação de recursos humanos em educação e áreas afins, pelo período de 21 meses – março/2013 a dezembro/2014. Parágrafo único. São objetivos específicos do programa: I- estimular o fortalecimento e a ampliação de programas de pós-graduação stricto sensu e de redes de pesquisa no país que tenham a educação como eixo de investigação; II- fortalecer o diálogo entre a comunidade acadêmica, os gestores das políticas nacionais de educação e os diversos atores envolvidos no processo educacional; III- estimular a utilização de dados estatísticos educacionais produzidos pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) como subsídio ao aprofundamento de estudos sobre a realidade educacional brasileira; IV- fomentar e apoiar projetos de estudos e pesquisas relacionados aos diferentes níveis e modalidades da educação;

==O original deste Edital encontra‐se assinado. EDITAL n.76/ UNESC Dispõe sobre os critérios para preenchimento de vagas remanescentes para seleção de estudantes de graduação e de professores de educação básica pública; para participar do Programa Observatório de Educação. O Reitor da Universidade do Extremo Sul Catarinense – UNESC, Professor Gildo Volpato, no uso de suas atribuições legais, na condição de gestor máximo da IES-sede, torna público o presente edital, que abre inscrições para preenchimento de vagas remanescentes dos Editais 40, 47 e 50/UNESC, que se referem ao projeto em rede “Ler & Educar: formação continuada de professores da rede pública de SC”, coordenado pelas Universidades Parceiras, UNESC, UFSC e UFFS. As vagas destinam-se à seleção de estudantes dos cursos de licenciatura, nas áreas de Letras e Pedagogia, regularmente matriculados nas IES Parceiras e de professores que atuam nas escolas de educação básica nos municípios onde estão instaladas as IES parceiras, com vistas a integrar a equipe do Programa Observatório da Educação – Edital 049/2012. DOS OBJETIVOS DO OBSERVATÓRIO DA EDUCAÇÃO – OBEDUC (Conf. Portaria nº 152, de 30 de outubro de 2012). Art. 1º - O objetivo do Programa é apoiar a realização de projetos de pesquisa em ensino e educação, vinculados aos Programas de Pós-graduação, que oferecem cursos de doutorado e/ou mestrado acadêmico ou mestrado profissional, com o objetivo de fomentar a produção acadêmica e a formação de recursos humanos em educação e áreas afins, pelo período de 21 meses – março/2013 a dezembro/2014. Parágrafo único. São objetivos específicos do programa: I- estimular o fortalecimento e a ampliação de programas de pós-graduação stricto sensu e de redes de pesquisa no país que tenham a educação como eixo de investigação; II- fortalecer o diálogo entre a comunidade acadêmica, os gestores das políticas nacionais de educação e os diversos atores envolvidos no processo educacional; III- estimular a utilização de dados estatísticos educacionais produzidos pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) como subsídio ao aprofundamento de estudos sobre a realidade educacional brasileira; IV- fomentar e apoiar projetos de estudos e pesquisas relacionados aos diferentes níveis e modalidades da educação;

Cursos Oferecidos[editar | editar código-fonte]

Atualmente, a Unesc oferece 32 cursos de graduação, 29 especializações e MBAs, 3 mestrados, 1 doutorado e 8 tecnólogos, todos bem conceituados pelo MEC.

Os cursos da Unesc são divididos por Unidades Acadêmicas (UNAs), que englobam os cursos de graduação, pós-graduação, tecnólogos e sequenciais. São elas: UNA Ciências da Saúde (SAU), UNA Humanidades, Ciências e Educação (HCE), UNA Ciências Sociais Aplicadas (UNASA) e UNA Ciências, Engenharias e Tecnologias (UNACET). Conheça melhor cada um dos cursos abaixo:

Graduação[editar | editar código-fonte]

Bacharelado[editar | editar código-fonte]

  • Administração
  • Administração (Comércio Exterior)
  • Arquitetura e Urbanismo
  • Biomedicina
  • Ciências da Computação
  • Ciências Contábeis
  • Direito
  • Economia
  • Enfermagem
  • Engenharia Ambiental
  • Engenharia Civil
  • Engenharia de Agrimensura
  • Engenharia de Materiais
  • Engenharia de Produção
  • Engenharia Mecânica
  • Engenharia Química
  • Farmácia
  • Fisioterapia
  • Medicina
  • Nutrição
  • Odontologia
  • Psicologia
  • Secretariado Executivo
  • Sociologia (licenciatura)

Bacharelado e Licenciatura[editar | editar código-fonte]

  • Artes Visuais
  • Ciências Biológicas
  • Educação Física
  • Geografia
  • História

Licenciatura[editar | editar código-fonte]

  • Letras (Português e Espanhol)
  • Letras (Português e Inglês)
  • Matemática
  • Pedagogia
  • Sociologia

[editar | editar código-fonte]

  • Tecnologia em Alimentos
  • Tecnologia em Cerâmica
  • Tecnologia em Cerâmica e Vidro
  • Tecnologia em Design de Moda
  • Tecnologia em Gestão Comercial
  • Tecnologia em Gestão de Marketing
  • Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos
  • Tecnologia em Processos Gerenciais

Sequenciais[editar | editar código-fonte]

  • Administração de Supermercados
  • Complementação de Estudos em Gestão de Entidades de Terceiro Setor
  • Formação Específica em Trânsito

Especialização e MBA[editar | editar código-fonte]

Área de Direito[editar | editar código-fonte]

  • Direito do Trabalho e Preparação para a Magistratura Trabalhista
  • MBA Direito Previdenciário
  • MBA Direito Público
  • MBA Direito Tributário
  • MBA Processo Civil
  • Preparação para a Magistratura Estadual
  • Segurança Pública e Gestão de Sistemas de Segurança

Área de Educação[editar | editar código-fonte]

  • Educação Especial e Inclusiva (à distância)
  • Educação Infantil (à distância)
  • Gestão Escolar e Coordenação Pedagógica
  • História: Campos, Domínios e Abordagens da História Contemporânea
  • Língua e Literatura com Ênfase Nos Gêneros do Discurso
  • MBA Gestão Educacional (à distância)
  • Psicopedagogia Clínica e Institucional
  • Treinamento Esportivo

Área Empresarial[editar | editar código-fonte]

  • MBA Comunicação e Estratégias de Marketing: Foco no Relacionamento com o Cliente
  • MBA Controladoria Estratégica
  • MBA em Gestão de Negócios Empresariais
  • MBA Gerência Financeira
  • MBA Gestão Empresarial
  • MBA Gestão Pública e Municipal

Área de Engenharia[editar | editar código-fonte]

  • Auditoria e Perícia Ambiental
  • Coordenação de Projetos e Novas Tecnologias em Edificações
  • Engenharia de Segurança do Trabalho
  • Gestão e Inovação Tecnológica na Construção Civil (à distância)

Área de Saúde[editar | editar código-fonte]

  • Assistência de Enfermagem em Urgência e Emergência
  • Fisiologia do Exercício
  • Fisioterapia Dermato-funcional
  • Saúde Mental

Mestrado[editar | editar código-fonte]

  • Mestrado em Educação
  • Mestrado em Ciências Ambientais
  • Mestrado em Ciências da Saúde

Doutorado[editar | editar código-fonte]

  • Doutorado em Ciências da Saúde

Comunidade Interna[editar | editar código-fonte]

São 10.256 alunos que fazem parte da comunidade estudantil da Unesc, divididos em:

  • Colégio de Aplicação (CAP): 307
  • Graduação: 9.174
  • Especialização: 550
  • Mestrado: 189
  • Doutorado: 36

A Unesc conta com um corpo docente qualificado de 678 professores nos ensinos fundamental, médio e superior, sendo eles:

  • 43 graduados (6%)
  • 305 especialistas (45%)
  • 259 mestres (38%)
  • 71 doutores (10%)

A universidade conta com o trabalho de 513 funcionários no campus de Criciúma, e 311 em projeto da Unesc dentro do Hospital Regional de Araranguá, totalizando 824 funcionários.

Processos de Seleção[editar | editar código-fonte]

O ingresso na Unesc pode acontecer de várias formas diferentes, por solicitação de vaga ou processo seletivo. Confira:

  • Diplomado (com curso superior): é uma forma de ingresso especial para quem já possui formação superior e deseja fazer outro curso de graduação, sem precisar passar pelo processo seletivo;
  • Disciplinas isoladas: quem já é formado ou concluiu o ensino médio pode cursar qualquer disciplina da grade curricular da graduação, pós-graduação e mestrado da Unesc;
  • Exame Nacional do Ensino Médio (Enem): o bom desempenho no ensino médio pode garantir o livre acesso à Unesc;
  • Nossa Bolsa: auxílio próprio da Unesc que quita o valor integral do curso de graduação até o final do curso;
  • Processo Seletivo Especial: é uma forma de ingressar nos cursos tecnológicos e sequenciais da Unesc sem precisar passar pelo vestibular;
  • Programa Minha Chance: bolsa de estudos oferecida pela Prefeitura Municipal de Criciúma em parceria com a Unesc;
  • Programa Universidade para Todos (ProUni): a Unesc aderiu ao ProUni para receber os estudantes contemplados com bolsas de estudos do programa;
  • Sistema de Ingresso por Mérito Escolar (SIM): ingresso na Unesc por meio de um bom histórico escolar;
  • Processo Seletivo de Estrangeiros: acolhe estudantes de outros países que desejam cursar graduação e pós-graduação no Brasil;
  • Transferência: porta aberta para estudantes de outras instituições que desejem continuar seus estudos na Unesc;
  • Vestibular: exame seletivo organizado pela Acafe que dá acesso aos cursos de graduação oferecidos pela Unesc.

Bolsas de Estudos[editar | editar código-fonte]

De acordo com números do primeiro semestre de 2010, quase 50% dos estudantes da Unesc são beneficiados pelo programa de bolsas de estudo da universidade. Conheça abaixo as principais opções oferecidas:

  • Artigo 170: programa de concessão de bolsas de estudo do Governo do Estado para alunos economicamente carentes;
  • Bolsa da Prefeitura Municipal de Criciúma (Programa Minha Chance);
  • Bolsa DCE/CA: bolsa oferecida todo semestre a alunos que participarem do Diretório Central dos Estudantes (DCE) ou do Centro Acadêmico (CA);
  • Bolsa Estágio Interno: destinada a alunos da Unesc que fazem estágio em algum setor da universidade;
  • Bolsa Pesquisa ou Extensão: bolsas repassadas a estudantes participantes de projetos de pesquisa e/ou extensão da Unesc;
  • Financiamento do Ensino Superior (FIES): ação do Ministério da educação que financia a graduação de pessoas sem condições financeiras;
  • Nossa Bolsa;
  • Sistema de Ingresso por Mérito Escolar (SIM);
  • Crédito PraValer Universitário: o aluno paga 50% da mensalidade no dobro do tempo de duração do curso;
  • Programa Universidade para Todos (ProUni): concede bolsas de estudos parciais e integrais para alunos de universidades privadas.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]