USS Cavalla (SS-244)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
O USS Cavalla (SS-244), a caminho de Norfolk, na Virgínia (1957).

USS Cavalla (SS-244) foi um submarino da Classe Gato da Marinha dos Estados Unidos. O navio recebeu o o nome de um peixe de água salgada, existente em toda a região costeira da América, de Cape Cod até a bacia do Rio da Prata. Este submarino atuou principalmente durante e a Guerra do Pacífico na Segunda Guerra Mundial.[1]

História[editar | editar código-fonte]

O submarino foi lançado ao mar em novembro de 1943 e entrou em serviço em fevereiro de 1944, sendo enviado à base naval de Pearl Harbor para treinamento da tripulação e dali para as águas profundas do sul do Pacífico, nas regiões ainda sob domínio e ocupação naval japonesa.[2]

Durante sua missão inaugural de patrulha no Mar das Filipinas, em junho de 1944, o USS Cavalla fez contato com uma grande força tarefa naval do Império do Japão, seguindo-a por várias horas e transmitindo seu tamanho e localização, que se tornaram extremamente úteis para a vitória das forças americanas durante a Batalha do Mar das Filipinas, entre 19 e 20 de junho de 1944. Na tarde do dia 19, o submarino encontrou o porta-aviões inimigo Shokaku no momento em que a tripulação do navio fazia o reabastecimento de seus aviões no convés e atacou-o com seis torpedos, acertando três, que levou ao afundamento do grande navio japonês, um veterano do ataque a Pearl Harbor. O feito colocou o Cavalla na história da guerra do Pacífico e lhe valeu a Citação Presidencial de Unidade, feita pelo Presidente dos Estados Unidos.[2]

Em suas missões posteriores, o submarino distinguiu-se em combates contra destróieres e navios mercantes inimigos no Mar da China e de Java. Recebeu a ordem de cessar fogo na guerra em 15 de agosto de 1945 quando se encontrava em águas japonesas e foi bombardeado por um avião inimigo pouco depois, que aparentemente não havia ainda recebido a mesma ordem de seu governo, escapando porém incólume. Dirigindo-se à Baía de Tóquio, fez parte da frota que participou da cerimônia de Rendição do Japão em 2 de setembro de 1945, votando para os Estados Unidos em outubro, onde foi descomissionado e colocado na reserva.[2]

Novamente no serviço ativo e com novos sistemas de radar em 1953, o USS Cavalla participou de experiências e exercícios da marinha, fazendo parte dos treinamentos realizados sob o comando da OTAN em águas européias nos anos 50 e começo dos anos 60.[2]

Em janeiro de 1971, foi enviado para o museu marítimo de submarinos veteranos da Segunda Guerra, e hoje se encontra, restaurado, aberto à visitação pública no Parque SeaWolf, em Galveston, no estado do Texas.[3]

Além da Citação Presidencial de Unidade, o USS Cavalla recebeu quatro estrelas de batalha em serviço durante a Guerra do Pacífico e tem a seu crédito o afundamento de cerca de 34 mil toneladas em navios inimigos.

Referências

  1. Gary Priolo, Michael Mohl. Cavalla (SS-244) (SSK-244) (AGSS-244), Unit Awards, Campaign and Service Medals and Ribbons (em inglês) NavSource Online: Submarine Photo Archive. Página visitada em 23 de junho de 2012.
  2. a b c d Cavalla (em inglês) Dictionary of American Naval Fighting Ships. Página visitada em 23 de junho de 2012.
  3. USS Cavalla (em inglês) Seawolf Park Galveston, Texas. Página visitada em 23 de junho de 2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre USS Cavalla (SS-244)


Ícone de esboço Este artigo sobre Submarinos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.