Ulrich von Brockdorff-Rantzau

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ulrich von Brockdorff-Rantzau.

Ulrich Graf[1] von Brockdorff-Rantzau (Schleswig, 29 de maio de 1869Berlim, 8 de setembro de 1928) foi um diplomata alemão, primeiro ministro das relações exteriores da República de Weimar e embaixador na URSS durante a década de 1920.

Cquote1.svg Não nos iludimos sobre a dimensão da nossa derrota, sobre o grau da nossa impotência. Conhecemos o ímpeto do ódio, que se volta contra nós. Exigem de nós que nos reconheçamos como os únicos culpados pela guerra; tal admissão, saída da minha boca, seria uma mentira. Cquote2.svg
Brockdorff-Rantzau sobre o tratado de Versalhes.[2]

Notas e referências

  1. Graf é um título traduzido como "conde".
  2. MAREK, Michael. 1920: Entra em vigor o Tratado de Versalhes Deutsche Welle. Página visitada em 10 de janeiro de 2010.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • KAES, Anton; JAY, Martín; DIMENDBERG, Edward. The Weimar Republic Sourcebook. University of California Press, 1995. ISBN 0-520-06775-4
  • HOLBORN, Hajo. A History of Modern Germany: 1840-1945. Princeton University Press, 1982. ISBN 0-691-00797-7
  • CRAIG, Gordon Alexander; GILBERT, Felix. The diplomats, 1919-1939. Princeton University Press, 1994. ISBN 0-691-03660-8

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Literatura de e sobre Ulrich von Brockdorff-Rantzau no catálogo da Biblioteca Nacional da Alemanha

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Ulrich von Brockdorff-Rantzau
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.