Universidade Federal do Sul da Bahia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde dezembro de 2013).
Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
UFSB
Universidade Federal do Sul da Bahia
Fundação Agosto de 2011
Tipo de instituição Universidade Pública Federal
Reitor(a) Naomar de Almeida Filho
Sede Itabuna
Campi Itabuna, Porto Seguro e Teixeira de Freitas
Estado  Bahia
Página oficial http://www.ufsb.edu.br/
Mapa dos municípios com campi.
Instituições de ensino superior do Brasil Brasil

A Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB[1] ) é uma instituição de ensino superior pública criada pela lei nº 12.818 de 5 de junho de 2013[2] a ser implantada no segundo semestre de 2014,[3] mas que teve seu anúncio formalizado pelo Governo Federal em agosto de 2011.[4] Sua reitoria (sede) será instalada na cidade de Itabuna (campus Jorge Amado), com mais dois campi em Teixeira de Freitas (campus Paulo Freire) e Porto Seguro (campus Sosígenes Costa).[3] [5] A UFSB vai atender a um público de nove mil alunos matriculados por ano atingindo 18 mil vagas até 2020, em sua plena implantação,[3] abrangendo um total de 48 municípios na região (Sul e Extremo Sul da Bahia).[6] [7]

O plano prevê que em Itabuna serão instaladas os Centros de Formação em Ciências, Tecnologias e Inovação, em Comunicação e Artes e o Instituto de Humanidades, Artes e Ciências; em Porto Seguro, as Centros de Formação em Ciências Humanas e Sociais, em Ciências Ambientais e o Instituto de Humanidades, Artes e Ciências; e em Teixeira de Freitas, a Saúde, entre eles, o de Medicina, e o Instituto de Humanidades, Artes e Ciências.[3]

O projeto apresentado e aprovado pelo Senado, no dia 8 de maio de 2013 e sancionada pela presidente Dilma Rouseff no dia 5 de junho de 2013, oferecerá 10.800 vagas em 71 cursos para diferentes modalidades: Bacharelados Interdisciplinares (BI), com acesso via Enem/Sisu ou via rede de Colégios Universitários (Cuni), Licenciaturas Interdisciplinares (LI), Cursos de Graduação Profissionalizante Plena (CPL), Cursos Superiores Tecnológicos (CST), Cursos de Formação Sequencial Universitária (CFSU), Residências, Mestrados e Doutorados, com parcerias com IFBA, IFBaiano, SEBRAE e outros órgãos do Sistema S.[3] [7] [8]

A sigla da universidade foi escolhida por votação eletrônica. Dentre as opções: UFSULBA, UFESBA, UFSBA e UFSB; a última foi a escolhida.[1] [9] Antes disso, tanto em publicações e documentos oficiais e notícias, os diferentes acrônimos apareceram para referir-se à universidade.[2] [3] [10] [11]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]