Universidade Lúrio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
UniLúrio
Universidade Lúrio
LogoUniLurio.JPG
Lema Scientia • Cretum • Fides
Lema em português Ciência • Desenvolvimento • Compromisso
Fundação 26 de dezembro de 2006 (7 anos)
Tipo de instituição Pública
Total de estudantes 1.430 (2013)[1]
Reitor(a) Prof. Doutor Jorge Ferrão[2]
Sede Cidade de Nampula
Campus Marrere (Nampula), Nanhimbe (Pemba/Cabo Delgado), Sanga (Niassa)
Faculdades 5
Número de cursos 13[1]
Página oficial www.unilurio.ac.mz
Instituições de ensino superior de Moçambique Moçambique

A Universidade Lúrio (UniLúrio) é uma instituição de ensino superior pública, com a sua sede estabelecida na cidade de Nampula em Moçambique. Foi criada por decreto presidencial em 26 de dezembro de 2006.

História[editar | editar código-fonte]

A Universidade Lúrio foi criada pelo decreto Nº 50/2006 de 26 de dezembro, publicado no Boletim da República Nº 52, 1ª Série, 2º Suplemento e oficialmente inaugurada no dia 29 de junho de 2007, pelo Presidente da República de Moçambique, Armando Emílio Guebuza.

Em 2007 a universidade instalou a sua Reitoria na Cidade de Nampula, ocupando instalações cedidas pelo Museu de Etnologia de Moçambique (MUSET), e tornou-se assim na primeira universidade pública na história de Moçambique a ser criada com a Reitoria estabelecida fora da Cidade de Maputo.

No âmbito da sua instalação a UniLúrio realizou a sua primeira sessão do Conselho Universitário no dia 21 de Agosto de 2007. Nesta sessão foram definidos aspectos chaves para o seu funcionamento tais como: a sua Visão, a sua Missão, o seu Lema, a sua Estrutura e a sua sigla.[3]

Nesta primeira sessão do Conselho Universitário da história de vida da UniLúrio, foi também apresentado o logótipo da universidade, fruto de um concurso promovido pela Universidade Eduardo Mondlane, por via da Faculdade de Arquitectura e Planeamento Físico, junto aos estudantes dessa faculdade.

Origem do logótipo[editar | editar código-fonte]

O logótipo busca inspiração na academia e no nome da universidade, "Lúrio" é o nome de um rio que une as três províncias do Norte de Moçambique aonde a universidade está instalada.

Possui o formato circular, apresenta no centro elementos que nos remetem à academia (o livro) e outros inspirados na natureza do nome da universidade (rio Lúrio). Possui um arco superior com o nome da universidade e um arco inferior com as três palavras-chave que compõem o lema da UniLúrio.

Estrutura[editar | editar código-fonte]

No âmbito das actividades normais para o seu estabelecimento, a UniLúrio priorizou a definição da sua estrutura de funcionamento (unidades orgânicas e serviços centrais) e os respectivos Termos de Referência. Com efeito, a UniLúrio elegeu uma estrutura que permitisse acomodar a sua presença tri-partida nas três Províncias do Norte de Moçambique, nomeadamente: Nampula, Cabo Delgado e Niassa.

A UniLúrio determinou que a presença nas três província do Norte do país não seria assumida como expansão universitária, mas parte normal da sua actividade, ou seja, determinou que esta presença tri-partida passaria pela instalação de três campus universitários: Marrere (Nampula), Nanhimbe (Pemba/Cabo Delgado) e Sanga (Niassa).[3]

Faculdades[editar | editar código-fonte]

  • Faculdade de Ciências da Saúde - Nampula (2007)
  • Faculdade de Ciências Agrárias - Niassa (2009)
  • Faculdade de Engenharias - Cabo Delgado (2010)
  • Faculdade de Ciências Naturais - Cabo Delgado (2010)
  • Faculdade de Arquitectura e Planeamento Físico - Nampula (2010)

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre instituição de ensino superior é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.