Usina do Gasômetro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde outubro de 2014)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.
Usina do Gasômetro
Geografia
Localidade Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Usina do Gasômetro, ou simplesmente Gasômetro, é uma antiga usina brasileira de geração de energia localizada em Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul. Apesar do nome, era na realidade uma usina movida a carvão mineral — o tal "Gasômetro" fazia referência à área onde hoje está a Usina, chamada de Volta do Gasômetro.

O prédio da usina termelétrica do Gasômetro foi inaugurado em 1928 para abrigar a Companhia Brasil de Força Elétrica, subsidiária da Eletric, Bond & Share Co., empresa com sede nos Estados Unidos, que geriu a eletricidade e o transporte elétrico de Porto Alegre até 1954.

O complexo arquitetônico recebeu esse nome devido à proximidade com a antiga Usina de Gás de Hidrogênio Carbonado que ocupava as margens da rua Washington Luíz. Essa usina fornecia gás destinado à iluminação pública e abastecimento de fogões. A chaminé de 107 metros foi construída em 1937 durante a administração de Alberto Bins para amenizar os problemas causados pela emissão de fuligem. A usina foi desativada em 1970, entrando a partir daí, em processo de deteriorização. Pensou-se em demolí-la mas houve reação da sociedade. Anos depois é reformada, tombada e transformada em centro cultural.

É um dos pontos mais tradicionais para ver o famoso pôr-do-sol da cidade, às margens do Lago Guaíba. Hoje a Usina do Gasômetro é um grande centro cultural da cidade, sendo palco das mais diversas manifestações artísticas como teatro, dança, pinturas, etc. Em julho de 2007, recebeu nova reforma.

Em 17 de agosto de 1988, a chaminé do prédio foi palco de uma inédita manifestação ecológica, que visava chamar a atenção da cidade para a votação do Projeto Praia do Guaíba que ocorreria naquele dia na Câmara de Vereadores. Quatro ecologistas da AGAPAN (Gert Schinke, Guilherme Dorneles, Gerson Buss e Sidnei Sommer) escalaram a chaminé e em seu topo colocaram uma faixa de protesto ao pretendido projeto.

Nas noites de 1 e 2 de abril de 2011 - em alusão ao Dia Mundial de Conscientização do Autismo - a torre da Usina foi iluminada na cor azul, que simboliza o autismo, num espetáculo de rara beleza.

Funcionam no prédio quatro galerias de arte e uma sala de cinema: Galeria Iberê Camargo, Galeria Lunara, Galeria dos Arcos, Espaço do 4º andar e Sala de Cinema P. F. Gastal. Atualmente está em fase de finalização o Teatro Elis Regina, ocupando espaço no 2º andar do prédio. O prédio da Usina do Gasômetro abriga inúmeras atividades desenvolvidas por grupos de teatro e dança locais, em projeto intitulado Usina das Artes e conta, ainda, com Centro de Informações Turísticas.

No período de 11 de setembro a 10 de novembro abriga parte das obras da 9ª Bienal do Mercosul / Porto Alegre;

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Usina do Gasômetro