Vália

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde Dezembro de 2010).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Vália, reis dos Visigodos.

Vália (? - 418), Rei dos visigodos entre os anos 415 e 418. Sucedeu a Ataúlfo depois da morte deste em 415 e da morte de Sigerico assassinado por seus seguidores depois de uma semana de governo.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Foi o responsável pelo estabelecimento da capital do reino visigodo em Tolosa (atual Tolosa, na França). Tentou estabelecer-se no norte da África mas uma tempestade pôs fim a suas expectativas e com a escassez de víveres, assinou a paz com o imperador romano Honório, celebrando um tratado (foedus) no qual Vália se comprometia a devolver Gala Placídia (irmã de Honório, raptada por Alarico I e desposada por Ataúlfo) e a expulsar da península Ibérica os povos bárbaros que tinham lá se estabelecido desde 409.

Por sua parte o imperador Honório entregaria 600 000 moios de trigo aos visigodos e permitiria o assentamento destes na península. Em 418, Vália entra na Hispânia e submete os suevos, os vândalos silingos, assentados na Andaluzia e os alanos da Lusitânia. Dos quatro povos bárbaros (vândalos asdingos, vândalos silingos, suevos e alanos) que se assentaram na Península só ficavam dois, mas quando parecia que também seriam esmagados por Vália, Honório decidiu entretanto rever seus planos e entregou aos visigodos a Aquitânia para que lá se estabelecessem. Com a morte de Vália desapareceu a dinastia baltinga que tinha começado com Alarico I.

Com a sua morte e sem herdeiros diretos extingue-se a Dinastia Baltinga, fundada por Alarico I. Sucedeu-lhe o genro de Alarico I, Teodorico I.

Precedido por:
Sigerico
Reis visigodos
415–418
Sucedido por:
Teodorico I