VRML

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

VRML (Virtual Reality Modeling Language, que significa: Linguagem para Modelagem de Realidade Virtual) é um padrão de formato de arquivo para realidade virtual, utilizado tanto para a Internet como para ambientes desktop. Por meio desta linguagem, escrita em modo texto, é possível criar objetos (malhas poligonais) tridimensionais podendo definir cor, transparência, brilho, textura (associando-a a um bitmap). Os objetos podem ser formas básicas, como esferas, cubos, ovóides, hexaedros, cones, cilindros, ou formas criadas pelo próprio programador, como as extrusões.

Além dos objetos, também é possível acrescentar interatividade a estes por meio de sensores, podendo assim deslocá-los de posição, acrescentar luz, produzir um som quando o objeto é clicado ou o avatar simplesmente se aproxima dele, e abrir um arquivo ou página da Web, ou ainda outra página em VRML, quando o objeto é acionado.

Não é necessário um software específico para a criação de arquivos VRML (embora existam), uma vez que os objetos podem ser todos criados em modo texto. Usualmente as extensões para esta linguagem é .wrl.

Suplantado pela norma X3D,[1] que integra a linguagem VRML com XML e estende as capacidades de modelação e interacção da norma VRML97.

Programas que geram VRML[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Is a 3D web more than just empty promises? www.zdnet.co.uk. Página visitada em 20 de abril de 2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre programação de computadores é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.