V dinastia egípcia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Antigo Egito
Faraós e dinastias
Período pré-dinástico
Período protodinástico
Época Tinita: I - II
Império Antigo: III IV V VI
1º Período Intermediário:

VII VIII IX X XI

Império Médio: XI XII
2º Período Intermediário:

XIII XIV XV XVI XVII

Império Novo: XVIII XIX XX
3º Período Intermediário:

XXI XXII XXIII XXIV XXV

Época Baixa: XXVI XXVII
XXVIII XXIX XXX XXXI
Período Greco-romano:
Dinastia macedónica
Dinastia ptolomaica
Período Romano

A Quinta dinastia de faraós do Egito foi a terceira das quatro dinastias que formaram o Império Antigo. A quinta dinastia faraônica foi um período turbulento existem vários indícios de inquietação de natureza religiosa, política e econômica.

A nobreza começava a ameaçar a hegemonia monarquica. Antes da Quinta Dinastia o faraó tinha sido Deus, porém agora, ainda deus, era considerado filho encarnado de o deus sol e a mais importante divindade egípcia. Cada vez que Rá e seus sacerdotes subiam de importância, o poder do "rei-deus" diminuía. Depois vieram os problemas econômicos, pois o Egito pagou alto preço para a construção das pirâmides, sendo também oneroso mantê-las.

Lista dos fáraos[editar | editar código-fonte]

Seus faraós foram os seguintes:

Precedido por
IV dinastia
Dinastias faraônicas
Sucedido por
VI dinastia
Ícone de esboço Este artigo sobre História do Egito é um esboço relacionado ao Projeto África. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.