Vacinação

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde Abril de 2008).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Vacinação é o ato de se inocular nos seres vivos estados não ativos de agentes patogênicos para a criação de anticorpos contra as doenças

Alguns Conceitos[editar | editar código-fonte]

Conjunto de fatores humorais e celulares que protegem o organismo contra a agressão por agentes infecciosos.

As campanhas de vacinação são feitas pelos governos para a imunização de em crianças em idade tenra que ainda não tem os anticorpos de criados para evitar que elas venham a ficar doentes. As imunizações mais comuns em crianças são contra:

Vacinação em adultos[editar | editar código-fonte]

Devem ser administradas devido ao fato de que os agentes patogênicos passam por mutações ou os anticorpos criados passam a ser ineficazes com o passar dos anos.

Assim os adultos, a partir dos 19 anos, devem receber o reforço de algumas doses de vacinas.

As recomendadas para os adultos são:

  • Catapora (Varicela)
  • Gripe (Influenza, especialmente os mais idosos)
  • Hepatite A
  • Hepatite B
  • Sarampo, Caxumba e Rubéola (MMR)
  • Meningite meningocócica (A, C, Y e W-135)
  • Pneumonia (Infecção pneumocócica, principalmente os mais idosos)
  • Tétano-Difteria (dT)- a cada 10 anos de idade)
  • Febre amarela

OBS: Se não houver contra-indicação médica ou expressa restrição, as vacinas podem ser tomadas mesmo em caso de:

doença aguda com febre moderada até 38 °C,
diarréia sem manifestação sistêmica,
fase de convalescença,
tratamento com antibiótico,
reação prévia à vacina com vermelhidão,
dor,
edema local e febre moderada,
prematuridade,
gravidez,
exposição à doença infecciosa,
amamentação ou
desnutrição.

Reações[editar | editar código-fonte]

Febre alta e dor local são os efeitos mais comuns observados para quem toma vacinas.

Contra-indicações[editar | editar código-fonte]

O médico ou o enfermeiro que está aplicando a vacina saberá todos os casos em que a vacina não poderá ser aplicada e informará ao paciente qual o procedimento a ser adotado. Algumas pessoas que possuem alergia a albumina do ovo, podem ser impedidos de tomar a vacina contra a febre amarela e outros casos de condições específicas de saúde podem impedir a pessoa de ter a vacina aplicada.

Aplicação[editar | editar código-fonte]

As vacinas podem ser aplicadas por via oral, injeção subcutânea, intramuscular ou aplicação cutânea. Podem ser utilizadas seringas com agulhas hipodérmicas ou pistolas de contato.

No Brasil, a vacina tanto pode ser ministrada em postos de vacinação como em clínicas particulares como em postos de saúde de forma gratuita. Existem vacinas que o PNI - Programa Nacional de Imunizações, não administra, sendo possível encontra-las somente em clínicas particulares, é o caso das vacinas:

1 - PENTA HIB ACELULAR - indicada para crianças a partir de 02 meses do nascimento. A vacina protege contra difteria, tétano, coqueluche (na forma acelular), poliomielite (vírus inativado)e Haemophilos Influenzae tipo B.

2 - TETRA HIB ACELULAR - indicada para crianças a a partir de 02 meses do nascimento a vacina protege contra difteria, tétano, coqueluche (na forma acelular) e Haemophilos Influenzae tipo B.

3 - HEXA ACELULAR - indicada para crianças a a partir de 02 meses do nascimento, a vacina protege contra difteria, tétano, coqueluche (na forma acelular), poliomielite (vírus inativado), Haemophilos Influenzae tipo B e Hepatite B.

4 - VARICELA - indicada a partir dos 09 meses de idade.

5 - HEPATITE A - Indicada a partir de 01 ano de idade.

6 - MENINGOCOCICA CONJUGADA DO GRUPO C - Indicada a partir de 02 meses do nascimento, previne principalmente contra meningite bacteriana do grupo C

  • detalhe: no Brasil também há incidência do meningococo B, a vacina que existe pertence ao laboratório Finlay(Cuba) - está indicada a partir de 03 meses do nascimento mas sua eficácia nesta faixa etária fica em torno de 40%, a idade onde esta vacina obterá maior eficácia seria a partir de 04 anos onde sua cobertura vacinal aumentaria para mais ou menos 70% . Hoje o governo a usa no controle de epidemias ou surtos. Existem clinicas privadas no Brasil que a comercializam.

7 - GRIPE - Ao contrário do que se pensa a vacina contra gripe está indicada a partir de 06 meses do nascimento. Nesta faixa etária até 08 anos de idade ele é aplicada em 02 doses e uma dose de reforço anual. Para crianças a partir de 09 anos de idade, adolescentes, adultos e idosos o esquema é de uma dose anual da vacina.


Referências[editar | editar código-fonte]

- Sbim - Sociedade Brasileira de Imunização. Homepage <http://www.sbim.org.br/programas.htm>. Acessado (ou Visitado) em 13 de fevereiro de 2009.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Portal A Wikipédia possui o portal: