Vale do Jordão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Parte norte do vale. A Península do Sinai está no centro e o Mar Morto e o vale do rio Jordão na parte superior.

O Vale do Jordão (em árabe: الغور Al-Ghor ou Al-Ghawr) é uma longa depressão que se estende por Israel, Jordânia, Cisjordânia e chega ao sopé dos Montes Golan. Na região encontram-se o rio Jordão, o Vale de Hula, o Lago de Tiberíades e o Mar Morto, o local de menor altitude da Terra.

É rico em património natural de interesse para a paleogeografia. Constitui a região agrícola mais fértil de Israel e Jordânia.

Cobre entre 1640 e 2500 km² (consoante o critério para a sua definição) e abriga 52 132 habitantes (2005) apenas do lado de Israel e mais de 85 000 do lado jordano,[1] a maior parte deles agricultores. Uma parte da vertente oriental é controlada por Israel, e a outra pela Jordânia.

No vale situa-se cerca de um terço da área da Cisjordânia.

Vale do Jordão

Referências[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Vale do Jordão
  1. Jordan Country Data. Visitado em 2007-07-10.