Valentin Haüy

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Valentin Hauy

Valentin Haüy (1745-1822), foi uma das primeiras pessoas a se interessar pelos cegos, promovendo uma intensa campanha de sensibilização pública para as suas necessidades e dedicando-se à investigação de técnicas que permitissem a sua educação e integração sócio-profissional.

Em 1771, assistiu a uma representação teatral feita por jovens cegos. Ficou chocado com a forma desrespeitosa e chocarreira como foram recebidos. Decidiu, à semelhança do que tinha feito Charles-Michel de l'Epée (1712-1789) para os surdos-mudos, fundar uma instituição que promovesse a dignificação e a educação daqueles jovens.

Com aquele objectivo, fundou em Paris a primeira escola francesa para cegos, e uma das primeiras da Europa, que se tornaria mais tarde o Institut National des Jeunes Aveugles, ainda existente. Preparou materiais de leitura para cegos e promoveu a adaptação de técnicas que permitissem o trabalho de cegos numa diversidade de tarefas.

A sua actividade está na origem da Association Valentin Haüy, criada em 1889, que continua hoje a sua obra a favor das pessoas cegas e amblíopes.

Foi irmão do mineralogista René Just Haüy.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Valentin Haüy

Association Valentin Haüy de promoção dos cegos.