Valor Econômico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção necessita de referências de fontes secundárias fiáveis publicadas por terceiros (desde outubro de 2011).
Por favor, melhore-o, incluindo referências mais apropriadas vindas de fontes fiáveis e independentes.
Fontes primárias, ou que possuem conflito de interesse geralmente não são suficientes para se escrever um artigo em uma enciclopédia.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Emblem-scales.svg
A neutralidade desse artigo (ou seção) foi questionada, conforme razões apontadas na página de discussão.
Justifique o uso dessa marca na página de discussão e tente torná-lo mais imparcial.
Valor Econômico
Slogan Seu melhor investimento
Editor Vera Brandimarte
Frequência Segunda a sexta-feira
Circulação Paga: 58,5 mil exemplares
Categoria Notícias, economia, finanças, investimentos
País  Brasil
Idioma português
Formato Standard[1]
Fundação 2 de maio de 2000
valor.com.br

Valor Econômico é o maior jornal de economia, finanças e negócios do Brasil, segundo dados do Instituto Verificador de Circulação (IVC).

É fruto da parceira entre dois dos maiores grupos de comunicação do país: as Organizações Globo e a Folha de S.Paulo, e teve sua primeira edição lançada em 2 de maio de 2000.

Conteúdo[editar | editar código-fonte]

O Valor é reconhecido pela relevância de seu conteúdo, bem como pela profundidade com que aborda assuntos referentes ao mundo dos negócios, economia e finanças. Graças à força de sua marca, o jornal ganhou diversos prêmios e é considerado um dos três [2] veículos mais admirados do país, na categoria Jornal, segundo pesquisa realizada pelo jornal Meio & Mensagem.

Cadernos[editar | editar código-fonte]

O Valor Econômico conta com cinco cadernos de circulação nacional e um de circulação regional (Legislação& Tributos). Diferentemente dos demais, o caderno EU& Fim de Semana tem periodicidade semanal e sai às sextas-feiras.

Caderno A – Notícias e análises sobre macroeconomia, política nacional e internacional, além de artigos assinados por especialistas.

Caderno B Empresas – O setor empresarial passado a limpo, com as principais notícias e análises. Também publica matérias exclusivas do The Wall Street Journal.

Caderno C Finanças – Movimentações e tendências do mercado financeiro nacional e internacional, além de tabelas de câmbio, juros, taxas e fundos de investimento.

Caderno D EU& Investimentos – Informações precisas sobre o mercado de capitais, companhias abertas e opções de investimento, tabelas etc.

Caderno E Legislação & Tributos (circulação regional SP/ RJ/ Brasília) - Notícias, análises e informações sobre questões jurídicas e tributárias.

Caderno EU& Fim de semana (semanal) – Entrevistas com personalidades e matérias sobre o mundo das artes, cultura, economia, política, ciências, entre outros assuntos.

Seções Especiais[editar | editar código-fonte]

O caderno EU&Investimentos do Valor traz, diariamente, editorias específicas, que abordam assuntos diversos e voltado aos mais variados interesses dos leitores.

EU&Livros - Lançamentos de livros, relação dos mais vendidos e dicas de títulos que não podem faltar na biblioteca dos leitores.

EU& Carreira - Mercado de trabalho, desenvolvimento de carreiras, profissionais de destaque e novidades na gestão de pessoas.

EU& Prazeres - Gastronomia, vinhos, destinos turísticos e outras formas de lazer.

Anuários[editar | editar código-fonte]

O Valor Econômico publica, anualmente, estudos aprofundados sobre carreira, setores econômicos e o cenário empresarial. Um importante material para consulta e referência.

Valor1000 – Resultado de estudos realizados pela FGV e analisados pela Serasa Experian, analise 25 setores da economia brasileira, as 1000 maiores empresas do país, as 50 maiores por região, os 100 maiores bancos e as 250 maiores holdings.

Valor Grandes Grupos – Informações sobre as maiores organizações do país: rankings, organogramas acionários e muito mais.

Valor Carreira – Comprometimento, motivação e desempenho é o foco dessa importante pesquisa desenvolvida pela Hewitt Associates.

Executivo de Valor - Os maiores líderes de mais de 20 setores da economia brasileira, de acordo com pesquisa realizada com os mais renomados escritórios de headhunter.

Multinacionais Brasileiras – Análise das organizações do Brasil que possuem atividades globais, com ranking das empresas com maior presença no exterior.

Suplementos Especiais[editar | editar código-fonte]

Com reportagens diferenciadas e abrangentes, os suplementos especiais do Valor Econômico ampliam o debate sobre assuntos atuais e abrem oportunidades para a discussão de questões pertinentes ao cenário econômico brasileiro.

A partir de um leque diversificado de temas – que vão de análises dos setores econômicos à introdução de novas tecnologias no mercado – os suplementos especiais do Valor levam aos leitores um olhar diferenciado e aprofundado.

Além dos cadernos que são desenvolvidos para responder a momentos específicos do mundo dos negócios, o jornal mantém duas publicações mensais e uma anual:

Negócios Sustentáveis – Um caderno dedicado à responsabilidade social corporativa e às ações sustentáveis.

Pequenas e médias empresas – Tudo sobre o mundo dos negócios de menor porte – da tecnologia às tendências de gestão, com destaque para iniciativas bem-sucedidas.

Rumos da Economia – Caderno de circulação anual, com análise aprofundada respeito dos últimos 12 meses. Também aponta perspectivas e estratégias para o futuro, oportunidades de investimentos, mercados em potencial e muito mais.

Revistas[editar | editar código-fonte]

As publicações em revista do Valor Econômico apresentam análises profundas e estudos pertinentes sobre os diversos setores da economia brasileira.

ValorInveste – Todo mês, o melhor dos investimentos e do consumo diferenciado. Panorama mensal sobre investimentos, com as melhores opções de aplicação e seções dedicadas a prazeres como vinhos, turismo, gadgets etc.

Valor Estados – Estudos abrangentes sobre o cenário econômico, perspectivas e oportunidades de investimento de cada Estado brasileiro.

Valor Setorial – Estudos aprofundados sobre as particularidades estratégicas, competitividades mercadológicas e desafios dos diferentes setores da economia brasileira.

Valor Especial – Análises de temas diversos em destaque na sociedade: de que forma esses fatos impactam na economia e suscitam tendências de investimentos.

Valor Financeiro – Estudo aprofundado de todo o setor: bancos, bancos de investimento, financeiras, leasing, seguradoras, empresas de previdência, distribuidoras e corretoras. Análises que subsidiam decisões de investimento.

Seminários[editar | editar código-fonte]

Platéias qualificadas, palestrantes formadores de opinião e temas pertinentes são características dos seminários mediados pelo Valor. Nesses eventos, expoentes de universidades, empresas e governo participam de palestras, debates e fóruns, para discutir os assuntos mais relevantes do mercado. São cerca de 15 seminários organizados por ano.

Circulação[editar | editar código-fonte]

O jornal circula de segunda a sexta-feira e, atualmente, ultrapassa a marca dos 62 mil exemplares vendidos. Já o número de leitores do Valor, hoje, é de 163 mil.

Perfil dos Leitores[editar | editar código-fonte]

Impresso

Alto poder de renda • 90% são leitores de classe AB. A média de jornais é de 50%. • Quase 1/3 dos leitores do jornal, hoje, são mulheres . • 4% têm interesse em tecnologia. • 89% dos assinantes possuem algum tipo de aplicação financeira.

Intenção de compra acima da média Proporcionalmente à média de jornais, o Valor possui: • 2,5 vezes mais pessoas que pretendem trocar de carro nos próximos 12 meses. • 5,5 vezes mais pessoas que pretendem viajar para o exterior.

Hábitos de lazer diferenciados • 61% costumam jantar fora. A média de jornais de 34%. • 50% costumam ir a concertos/shows. A média de jornais é de 30%. • 40% costumam viajar nos fins de semana. A média de jornais é de 17%.

Fontes: Marplan jul09 – jun10, AS, 9 mercados. Datafolha 2007

Circulação

Circulação Líquida Total Impresso+Digital: 62.462 - (Fonte: IVC – Agosto de 2012).

São Paulo: 33.519

Rio de Janeiro: 10.753

Minas Gerais: 3.334

Paraná: 2.244

Rio Grande do Sul: 1.858

Distrito Federal: 2.460

Bahia: 1.006

Digital Alto poder de renda

• 82% pertencem às classes A e B.

• Quase 1/3 dos leitores da edição digital, hoje, são mulheres.

• 52% recebem mais de 10 salários mínimos por mês.

• 65% dos internautas que acessam a edição digital possuem Ensino Superior completo.

Intenção de compra acima da média

Proporcionalmente à média dos portais de Internet, o Valor possui:

• 4 vezes mais pessoas que ocupam cargo de decisão.

• Quase 7 vezes mais pessoas com aplicações financeiras.

• 2,5 vezes mais pessoas com casa ou apartamento na praia ou campo.

Fontes: Marplan out09 – set10, AS 10 e mais anos.

Acessos

Unique Visitors: 408.751

Visitas/Mês: 1.026.353

Page Views: 12.097.522

Tempo médio de acesso: 00h29min17s – Média dos sites da categoria é de 00h

Plataforma digital[editar | editar código-fonte]

O Valor Econômico também tem forte presença nos meios digitais. Além do site ValorOnline, o leitor pode acessar o conteúdo do jornal via celular por meio de um mobile site. O Valor também disponibiliza aplicativos desenvolvidos para iPhone, Blackberry e iPad.

ValorOnline No endereço www.valoreconomico.com.br, é possível ler as principais notícias do mundo da economia, finanças e negócios, além de acompanhar cotações e os principais indicadores do mercado.

Edição Digital Disponível para assinantes, garante acesso a áreas restritas. Todo o conteúdo da versão impressa do Valor, a um clique.

Valor RI Canal online exclusivo, voltado à divulgação de informações financeiras das empresas, sendo possível disponibilizar balanços, atas de reuniões, vídeos de divulgação dos resultados e muito mais.

Valor no iPhone Valor Econômico no iPhone é o mais completo aplicativo de notícias de mercado do país.Com ele, o usuário pode acessar os principais índices econômicos, checar as cotações dos papéis negociados na bolsa, montar sua carteira de ações, publicar matérias em seu perfil no Twitter e, claro, ler as principais notícias de economia, finanças e negócios.

Valor no Blackberry O aplicativo para smartphones BlackBerry tem as mesmas funcionalidades do aplicativo para iPhone. Com ele, é possível ler, selecionar, salvar, enviar e compartilhar, de forma rápida e fácil, as principais notícias sobre economia e negócios, além de acompanhar os principais índices e cotações do mercado.

Valor no iPad A primeira edição do Valor no iPad foi lançada em 21 de fevereiro, sob o mote: “Toda a qualidade e credibilidade do Valor Econômico, agora no iPad”. A novidade foi bem recebida pelos leitores, o que fez com que o aplicativo ficasse em primeiro lugar entre os mais baixados na AppStore. O Valor no iPad permite ao leitor acessar as principais notícias e análises do mercado, a qualquer hora e de qualquer lugar.

Newsletter Duas vezes por dia, o Valor seleciona as principais notícias e envia para um mailing de perfil altamente qualificado.

Newsletters diárias Manhã: As principais notícias do jornal Valor Econômico, selecionadas e enviadas para o seu e-mail. Tarde: As dez notícias mais lidas do dia, além das cinco mais acessadas do jornal impresso.

Newsletters setoriais Tecnologia e Telecom: Às quartas-feiras, uma seleção das principais notícias do setor veiculadas no jornal.

Empreendedorismo: Às terças-feiras, uma compilação das mais importantes notícias para empreendedores.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre meios de comunicação ou jornalismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.