Varinha das Varinhas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

História[editar | editar código-fonte]

A Varinha das Varinhas (Elder Wand em inglês e Varinha de Sabugueiro em português) é uma das Relíquias da Morte (mais informações, consultar Harry Potter and the Deathly Hallows) dada pela Morte a Antíoco Peverell, é a relíquia que tem mais probabilidade de se saber onde está e, para os duvidosos, de existir. Seu núcleo é de pêlo de rabo de Testrálio, 1 uma substância poderosa, a técnica para inseri-lo é possível apenas para os grandes bruxos, capazes de encarar a morte. Seu dono poderia ser fraco e, ao estar com a varinha se tornaria poderoso. É passada de bruxo para bruxo, derrotando o antigo possuidor, a varinha tem um ciclo sangrento pela história da magia e recebeu ao longo das gerações vários nomes tal qual a Varinha da Morte, a Varinha Anciã e a Varinha do Destino.

Linhagem[editar | editar código-fonte]

Quando Antíoco vai para uma estalagem, desafia um antigo inimigo para um duelo. Ora, com esta varinha, ele venceu facilmente o seu oponente e ficou se gabando de possuir uma varinha muito poderosa. Então, a noite, um ladrão, de nome Emerico, o Mal, sabendo desta extraordinária varinha, mata Antíoco e torna-se o novo possuidor da varinha, que lhe é tirada por Egbeto, o Erégio que se torna o novo possuidor e assim vai, passando pelas mãos de Godelot, Hereward, Barnabás Deverill, Loxias e se perde, em que a população bruxa não sabe se a Varinha das Varinhas está com Arco ou com Lívio.

A varinha atualmente[editar | editar código-fonte]

Tempos depois, um famoso fabricante de varinhas búlgaro se gaba por ter uma varinha invencível. Seu nome é Gregorovitch. Então, mais tarde, um bruxo chamado Gellert Grindelwald (Gerardo Grindelwald em portugues) rouba a Varinha das Varinhas de Gregorovitch. Quando Grindelwald conseguiu a Varinha, ficou mais poderoso do que nunca, e apenas Dumbledore poderia derrotá-lo, em um duelo que é lembrado por todas as gerações bruxas. Dumbledore derrota Grindelwald e acaba sendo o novo dono da Varinha das Varinhas.

Durante muito tempo, Dumbledore utiliza esta varinha até que, na hora do seu asassinato, quando Draco Malfoy o desarma, a varinha o reconhece como seu novo possuidor. Ninguém, evidentemente, sabia que esta era a Varinha das Varinhas e tão pouco que ela agora pertencia a Draco Malfoy. Então, Voldemort descobre a existência da varinha das varinhas e a tira do túmulo de Dumbledore. Porém, a varinha não funciona direito e, acreditando que Severo Snape, que matou Dumbledore, fosse o seu legítmo dono, ordena a sua cobra,Nagini, que o mate. Nesse meio tempo, Harry desarma Malfoy e se torna o novo possuidor da Varinha das Varinhas. No duelo final entre Harry e Voldemort, a varinha o reconhece como seu legítimo possuidor, e a maldição lançada por Voldemort ricocheteia nele e o mata. No filme, Harry quebra a varinha para que ninguém se torne o bruxo mais poderoso (na versão do livro, Harry devolve a varinha a Dumbledore).

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. http://web.archive.org/web/20110713110722/http://www.jkrowling.com/textonly/en/extrastuff_view.cfm?id=25