Verdilhão-de-cabeça-preta

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaVerdilhão de cabeça negra
Taxocaixa sem imagem
Estado de conservação
Status iucn3.1 LC pt.svg
Pouco preocupante
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Passeriformes
Família: Fringillidae
Género: Carduelis
Espécie: C. ambigua
Nome binomial
Carduelis ambigua
(Oustalet, 1896)
Sinónimos
  • Chloris ambigua

O verdilhão-de-cabeça-preta (carduelis ambigua ou chloris ambigua) é um Passeriforme da família Fringillidae.

Descrição[editar | editar código-fonte]

O verdilhão de cabeça negra tem um comprimento de 13 cm. O macho tem a cabeça preta, asas pretas com barras amarelas, dorso acastanhado, cauda preta no lado superior e amarela no lado inferior; a garganta, o peito, a barriga e os flancos são amarelos com estrias acastanhadas e o bico é rosado. As fêmeas são parecidas com os machos, mas as cores são mais baças, a cabeça é mais cinzenta do que negra. Os juvenis são pardos e as estrias são mais escuras.[1] As vocalizações são semelhantes às do verdilhão (carduelis chloris), e do verdilhão-oriental (carduelis sinica). A fêmea constrói o ninho, num arbusto ou moita, a meia altura, em forma de taça, com palhas, musgo, raízes finas, pêlos, penas, ervas secas. Põe entre 3 a 5 ovos branco-azulados ou branco-esverdeados com pintas pretas ou castanho-escuras, que são incubados durante 13-14 dias. Depois de eclodirem as crias são alimentadas por ambos os progenitores.

Distribuição[editar | editar código-fonte]

Extremo nordeste da Índia (nordeste de Arunachal Pradesh), sul da China, sudeste da Região Autónoma do Tibete, Myanmar, Tailândia, Laos e Vietname.

Taxonomia[editar | editar código-fonte]

Recentes estudos filogenéticos indicam que o verdilhão dos Himalaias é parente próximo do verdilhão (c. chloris), do verdilhão-oriental (c. sinica) e do verdilhão-de-peito-amarelo (c. spinoides)[2] Conhecem-se duas subespécies [2] :

  • Carduelis ambigua ambigua ( Oustalet, 1896) – Sul da China (oeste e sul de Sichuan, oeste e sudeste de Yunnan, oeste de Guizhou), este e nordeste de Myanmar, norte do Laos e noroeste do Vietname (oeste de Tonkin); noroeste da Tailândia (fora do território de reprodução).
  • Carduelis ambigua taylori (Kinnear, 1939) – sul da China (sudeste de Xizang); extremo nordeste da Índia (nordeste de Arunachal Pradesh) (fora do território de reprodução).

Habitat[editar | editar código-fonte]

Encontra-se em bosques de árvores de folha caduca e de coníferas, orlas de florestas, planícies de mato e arbustos, terrenos de cultivo.

Alimentação[editar | editar código-fonte]

Não é muito conhecida. Numa foto (Ottaviani, 2011) podemos vê-lo a alimentar-se de uma asterácea, dente-de-leão (taraxacum).

Filogenia[editar | editar código-fonte]

Obtida por Antonio Arnaiz-Villena et al.[3] [4]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. verdilhão-de-cabeça-negra Conteúdo Animal. Consultado em 23 de Julho de 2012
  2. a b black headed greenfinch The Internet Bird Collection. Consultada em 23 de julho de 2012
  3. Arnaiz-Villena, Antonio; Alvarez-Tejado M., Ruiz-del-Valle V., García-de-la-Torre C., Varela P, Recio M. J., Ferre S., Martinez-Laso J.. (1998). "Phylogeny and rapid Northern and Southern Hemisphere speciation of goldfinches during the Miocene and Pliocene Epochs". Cell.Mol.Life.Sci. 54(9):1031-41.
  4. Zamora, J; Moscoso J, Ruiz-del-Valle V, Ernesto L, Serrano-Vela JI, Ira-Cachafeiro J, Arnaiz-Villena A. (2006). "Conjoint mitochondrial phylogenetic trees for canaries Serinus spp. and goldfinches Carduelis spp. show several specific polytomies". Ardeola 53: 1–17.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]