Vertical Man

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Vertical Man
Álbum de estúdio de Ringo Starr
Lançamento 15 de junho de 1998
Gravação Fevereiro 1997 - Fevereiro 1998
Gênero(s) Rock
Duração 51:48
Gravadora(s) Mercury Records
Produção Mark Hudson e Ringo Starr
Cronologia de Ringo Starr
Último
Último
'Ringo Starr and His third All-Starr Band-Volume 1
(1997)
VH1 Storytellers
(1998)
Próximo
Próximo

Vertical Man é um álbum de Ringo Starr lançado em 1998. O lançamento representa a tentativa de Starr em dar sequência no enorme sucesso do projeto The Beatles Anthology

Na sequência do álbum Time Takes Time, Starr iniciou uma parceria musical com o músico e compositor Mark Hudson, que durou até as sessões do álbum Liverpool 8. Alguns dos convidados famosos foram Scott Weiland, Brian Wilson, Alanis Morissette, Ozzy Osbourne, Tom Petty, Joe Walsh, Timothy B. Schmit, Aerosmith e Steven Tyler, além dos seus dos ex-beatles Paul McCartney e George Harrison.[1]

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "One" – 3:02
  2. "What in the... World" – 3:29
  3. "Mindfield" – 4:06
  4. "King of Broken Hearts" – 4:44
  5. "Love Me Do" (John Lennon/Paul McCartney) – 3:45
  6. "Vertical Man" – 4:42
  7. "Drift Away" (Mentor Williams) – 4:09
  8. "I Was Walkin'" (Richard Starkey/Mark Hudson/Dean Grakal) – 3:19
    • Com Steven Tyler, e backing vocals por Paul McCartney e Alanis Morissette
  9. "La De Da" – 5:41
  10. "Without Understanding" (Richard Starkey/Mark Hudson/Steve Dudas) – 4:22
  11. "I'll Be Fine Anywhere" – 3:39
    • Com George Harrison na guitarra solo
  12. "Puppet" – 3:19
  13. "I'm Yours" (Richard Starkey/Mark Hudson/Mark Nevin) – 3:24

Referências

  1. Vertical Man allmusic
Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Ringo Starr é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.