Vetor de Laplace-Runge-Lenz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nuvola apps important.svg
A tradução deste artigo ou se(c)ção está abaixo da qualidade média aceitável.
É possível que tenha sido feita por um tradutor automático ou por alguém que não conhece bem o português ou a língua original do texto. Caso queira colaborar com a Wikipédia, tente encontrar a página original e melhore este artigo conforme o guia de tradução.

Na mecânica clássica, o vetor de Laplace-Runge-Lenz (ou simplemente vetor LRL) é um vetor geométrico utilizado principalmente para descrever o perfil e a orientação da órbita celeste de um dos corpos astrônomos sobre outros, também com um planeta rotativo sobre uma estrela. Para dois corpos interagindo sob a gravidade, o vetor LRL é uma constante de movimento, formando que é a mesma , porém não mais importante que é calculada na órbita [1] equivalente, o vetor LRL é mencionado para estar conservado. Mais geral, este vetor é conservado em todos os problemas em que tem a integração sobre dois corpos físicos sobre uma força central que varia com o inverso do quadrado entre eles, como os problemas de Kepler.[2]

Referências

  1. Goldstein, H.. Classical Mechanics. 2nd edition ed. [S.l.]: Addison Wesley, 1980. 102–105,421–422 p.
  2. Arnold, VI. Mathematical Methods of Classical Mechanics, 2nd ed.. New York: Springer-Verlag, 1989. p. 38. ISBN 0-387-96890-3