Video Games (canção)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Video Games"
Single de Lana Del Rey
do álbum Lana Del Rey e Born to Die
Lançamento 10 de outubro de 2011
Formato(s) Airplay, download digital
Gravação 2011
Gênero(s) Pop
Duração 4:44
Gravadora(s) Interscope Records, Polydor Records
Composição Lana Del Rey, Justin Parker
Produção Justin Parker, Robopop
Cronologia de singles de Lana Del Rey
Último
Último
"Born to Die"
(2012)
Próximo
Próximo

"Video Games" é uma canção da cantora e compositora norte-americana Lana Del Rey, contida em seu primeiro álbum de estúdio, Born to Die (2012). Foi composta pela própria e Justin Parker, que também a produziu junta a Robopop. A faixa foi disponibilizada na internet no dia 29 de julho de 2011, e mais tarde, lançada como o primeiro single do álbum. Inicialmente, a gravadora de Del Rey havia recusado lançar a faixa como single por achar que ela não tinha potencial radiofônico. Trata-se de uma faixa dos gêneros pop e indie pop, tematicamente, a inspiração partiu do seu namorado que jogava videogames enquanto ela trabalhava.

"Video Games" teve um desempenho comercial favorável, atingindo a primeira posição na Alemanha, e se posicionando entre as dez primeiras posições na Áustria, Bélgica, Países Baixos, França, Irlanda, Suíça, e Reino Unido. Nos Estados Unidos a canção conseguiu a posição de número 91, passando apenas uma semana na parada. Em 2013, a faixa ganhou certificado de disco de ouro pela Recording Industry Association of America (RIAA) por mais de 500 mil cópias comercializadas, foi premiada também como sendo disco de ouro por três vezes na Alemanha, totalizando 450 mil exemplares. Também foi certificada em outros cinco países.

A canção foi promovida com um videoclipe dirigido e editado pela própria cantora, que apresenta cenas dela cantando em frente a uma web-cam, além de fazer uso de clipes antigos retirados da internet. A faixa também foi incluída no primeiro episódio do seriado norte-americano Ringer.[1] A canção foi interpretada por Del Rey em uma série de apresentações, inclusive para o MTV Push, ECHO Awards e Saturday Night Live, nesta última sendo bastante criticada por estar nervosa.

Antecedentes e gravação[editar | editar código-fonte]

"Eu queria fazer parte de uma cena de alta classe de músicos. Foi meio que uma inspiração, porque eu não tinha muitos amigos, eu esperava conhecer novas pessoas e me apaixonar [...] começar uma comunidade em torno de mim, do mesmo modo como faziam nos anos 60. Queria ser visto como uma boa cantora, e não muito mais do que isso."[2]

— Del Rey sobre a dificuldade no inicio da carreira.

"Video Games" foi lançada digitalmente em 29 de junho de 2011 e, em seguida, relançada em 10 de outubro de 2011 como o primeiro single do álbum de estreia de Del Rey, Born to Die.[3] [4] Em uma entrevista para a revista britânica The Quietus, Del Rey disse que a inspiração para a faixa veio do seu ex-namorado: "Naquela época eu estava ficando desiludida em ser uma cantora e estava muito feliz por assentar com um namorado que eu amava, mas no final ambos perdemos nossos sonhos de vista."[5] Del Rey disse que o relacionamento era perfeito, mas achava que a felicidade atraia a tristeza. Havia algo de celestial sobre aquela vida - eu ia trabalhar e ele jogava os seus videogames.[5] A cantora também afirmou que usou vocais mais baixos para a música, porque sentiu que o público não a via como uma artista séria.[6] Ao ser entrevistada por Rosie Swash, do jornal The Observer, Del Rey revelou que inicialmente a canção não seria lançada como single. Ela também havia comentado antes dessa entrevista: "Eu poderia encontrar algo que me emocionava e me intrigava. "Video Games" foi um momento chave para mim. Era uma música lenta, era uma balada, quase sem refrão. Eu enviei-a para o YouTube e funcionou. Todos os dias milhares de visualizações, mas que a [canção] anterior. Eu me perguntava de onde saia tantas pessoas. Não tinha ideia de como eles escutavam, mas as pessoas começaram a falar comigo por causa dessa música. Não é o que eu esperava. Mas foi um alívio."[7] No entanto, depois de ter recebido revisões positivas dos críticos musicais e do público em geral, a gravadora decidiu lançá-la.[8]

Composição[editar | editar código-fonte]

Demonstração de 30 segundos de "Video Games", definida no tempo de 61 batidas por minuto e composta na chave de lá menor.[9] [10]

Problemas para escutar este arquivo? Veja a ajuda.

"Video Games" tem a duração de quatro minutos e quarenta e dois segundos.[11] De acordo com a partitura publicada pela EMI Music Publishing a canção foi composta pela própria Del Rey e Justin Parker. Ela é definida em compasso de tempo comum com um ritmo de 61 batimentos por minuto. O alcance vocal da cantora se estende a partir da nota mi♯3 para a la♯4. Lindsey Johnstone, do The Scotsman, descreveu a canção como uma "sensação de poder ser ignorado, a uma dor excelente de ilusão à felicidade."[12] Alexis Petridis, do jornal The Guardian, em uma observação da performance vocal de Del Rey, escreveu: "Se encaixa perfeitamente a música, tem uma fricção contra a bombástica orquestra, tem harpas e cordas de pizzicato no fundo. Esta é uma canção sobre grandes emoções provocadas por eventos diários, um namorado indolente abrindo uma cerveja, em uma visita a um bar e colocando perfume." Os críticos disseram que Del Rey e "Video Games" têm o estilo da "Nancy Sinatra gangsta."[13]

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

Após o lançamento do single, Ian Cohen, da Pitchfork Media, comentou: "Em seu emocionante single de estreia, a cantora e compositora de Nova York, Lizzy Grant se transforma bombasticamente no fenômeno chamado Lana Del Rey."[14] O escritor Robert Copsey, do jornal britânico Digital Spy, notou que Del Rey "combina com um vocal quase idêntico ao de Nancy Sinatra com seu próprio fascínio trágico e fascinante".[10] Lewis Corner, também da Digital Spy, publicou: "Nascida em Nova York, Lana Del Rey está atualmente trabalhando em Londres em seu álbum de estreia, mas se esta faixa recém-lançada for apenas uma pré-visualização do seu álbum, ela vai ser uma cantora da vanguarda pop excelente, e em sua melhor forma."[15] Alexis Petridis, do The Guardian, considerou "Video Games" a melhor canção de 2011 e acrescentou: "É tentador dizer que uma canção como esta não é boa, e não importa quem a canta, mas isso não é realmente verdade. Algumas divas do pop colaboram com Eg White, mais Lana Del Rey soa extremamente discreta."[9] Em uma pesquisa realizada pelo site NME, os leitores classificaram-a como a décima melhor canção do ano.[16] Maura Johnston, do The Village Voice, afirmou que a música e o videoclipe foram super produzidos,[17] enquanto Amanda Dobbis, da New York Magazine, comentou: "É difícil separar totalmente os olhares da Del Rey a partir da crítica que tem sido borbulhante em torno dela." Em respostas a esta controvérsia, Lucas Colar, da revista Paste, escreveu: "Enquanto as pessoas escutavam pela primeira vez a faixa 'Video Games', o primeiro hit da web, as pessoas não estavam surtando sobre Lana Del Rey ou nos lábios falsos da Lizzy Grant. As pessoas estavam em pânico porque estavam escutando uma voz doce e uma canção muito bem escrita e, finalmente, faz com que o resto realmente não importe."[18]

Apresentações ao vivo[editar | editar código-fonte]

Del Rey cantando "Video Games" durante concerto promocional na cidade de Amsterdã, na Holanda.

"Video Games" foi cantada por Del Rey em uma série de apresentações, inclusive para o MTV Push,[19] e no Bowery Ballroom, onde, segundo a crítica musical, Eliot Glazer da revista New York Magazine, à apresentação de Del Rey trouxe a popularização da Nancy Sinatra de volta.[20] A canção "Video Games" foi apresentada na série Ringer do canal norte-americano The CW, em 28 de setembro]] de 2011, durante uma cena do seriado.[21] Del Rey também apresentou "Video Games" na Holanda através do programa televisivo De Wereld Draait Door[22] , e na televisão britânica no programa Later... with Jools Holland[23] e em um show intimista no Chateau Marmont, em West Hollywood, Califórnia.[24] No dia 22 de março de 2012, apresentou a canção "Video Games" no ECHO Awards, considerada a maior premiação musical da Alemanha.[25] Lana Del Rey também realizou uma performance da canção no El Rey Theatre, em Los Angeles nos Estados Unidos.[26] Após anunciar seu novo álbum para 2014, a cantora foi convidada a se apresentar no Breakthrough Prize in Life Sciences, premiação que homenageia cientistas que realizaram grandes avanços qu fazem com que a humanidade tenha mais compreensão sobre o mundo. "Video Games" foi interpretada em uma versão desacelerada sobre um piano e uma guitarra elétrica.[27] A música faz parte do repertório oficial das turnês Born to Die Tour e Paradise Tour, que percorreram América do Norte, Europa e Oceania.[28]

Atuação no Saturday Night Live[editar | editar código-fonte]

Em 14 de janeiro de 2012, Del Rey cantou as canções "Video Games" e "Blue Jeans" no programa de televisão Saturday Night Live, do canal estado-unidense NBC.[29] [30] Sua apresentação, recebeu muitas críticas negativas, por ela estar nervosa e por sua desafinação.[31] [32] A atriz Juliette Lewis postou em seu twitter: "Uau, ver essa "cantora" no Saturday Night Live é como assistir uma criança de doze anos fingindo cantar e dançar no quarto",[33] ao passo que no dia seguinte, Lewis escreveu novamente na rede social: "Acordei cantando a música da Lana Del Rey! Que melodia incrível e assombrosa! Apesar do meu gosto sobre ela ao vivo, ela é uma ótima nova compositora. Fim."[34] O redator da NBC, Brian Williams, afirmou que a apresentação de Del Rey foi a pior performance de toda a história do Saturday Night Live.[35] O ator Daniel Radcliffe, que estava apresentando o programa no dia da apresentação de Del Rey, saiu em defesa da cantora afirmando que as críticas eram menos sobre sua apresentação no programa, e mais sobre o seu passado e sua família."[36] Matthew Perpetua, da revista Rolling Stone, comentou em defesa da cantora dizendo que: "Apesar de Del Rey estar nervosa e ansiosa ao mesmo tempo, quando tocava a música ao vivo, a cantora cantava com uma confiança considerável."[37] Após as críticas negativas, foi anunciado que a sua turnê seria adiada: "Ela ficou muito triste. Eles perceberam que ela precisa de tempo para esfriar a cabeça e depois disso voltar a vender ingressos para shows."[31] [38] Os vídeos da apresentação no programa foram mais tardes enviados para a conta da cantora no Vevo.[29] [30]

Videoclipe[editar | editar código-fonte]

Para montar o videoclipe da canção, Del Rey utilizou clipes de vídeo já existentes, com skatistas, desenhos animados, imagens de velhos filmes, e imagens de paparazzi registrando a atriz Paz de la Huerta caindo embriagada.[39] Para as cenas do vídeo, Del Rey filmou a si mesma, usando uma webcam.[39] Quando perguntaram se ela mudaria algo na produção do vídeo, a mesma respondeu: "Se eu soubesse que tantas pessoas iriam ver o vídeo, eu teria colocado um esforço maior nele. Eu estava com o meu cabelo e minha maquiagem pronta e tentei não parecer mal-humorada, pois todo mundo iria falar do meu rosto o tempo todo. Eu poderia ter colocado um enredo no vídeo."[6] A cantora também disse que no vídeo, ela estava tentando parecer inteligente e ligada, ao invés de sexy: "Claro que eu queria ter uma boa aparência, mas a inteligência foi o foco principal."[5]

Amanda Dobbins da revista New York Magazine referiu-se ao vídeo musical como "previsível, mas que merece alguma atenção do público."[39] Rya Becker da MTV questionou a originalidade da cantora, dizendo: "É difícil saber o que fazer com Lana Del Rey à primeira vista. Ela é como Jools Holland, uma vez que a chamam de "fenômeno da internet" que não vale mais do que alguns posts picantes? Ou ela é uma cantora legítima envolvida na hiper feminilidade, naturalmente americana e uma imagem que ela projeta em seus vídeos para as faixas "Video Games" e "Blue Jeans"?"[40] Já Ian Cohen da Pitchfork Media comentou que "o videoclipe se encaixa entre render ao romance e a depressão".[14]

Um segundo videoclipe foi carregado em sua conta no VEVO com o título "Video Games (Live at the Premises)", com duração máxima de 4 minutos e 42 segundos.[41] Um escritor para o Huffing Post comentando sobre o vídeo, chamou a canção de "infernal".[42] Além de criticar os ajustes labiais e unhas longas, o The Guardian elogiou Del Rey sobre os olhares provocantes e vocais abafados como ela devastadoramente entrega no verso, "Ouvi dizer que você gosta de meninas más, doçura, isso é verdade?".[43] Nick Neyland do site Prefixmag comentou: Aqui a música é despojado, apenas piano e voz, com Del Rey olhando muito mais confiante em seu desempenho do que ela fez naquela nervosa apresentação no Later... with Jools Holland.[44]

Créditos[editar | editar código-fonte]

"Video Games" foi composta pela própria Lana Del Rey e por Justin Parker,[45] e foi produzida por RoboPop e masterizada por Stuart Bruce[45] . Em entrevista ao jornal britânico Daily Mail, Justin Parker disse que a gravadora de Del Rey, a Interscope Records, havia inicialmente rejeitado lançar a faixa como single, pois não acreditaram no sucesso radiofônico da canção: "Eles gostaram da faixa mas não acharam que as estações de rádio fossem tocá-la. Mas felizmente tudo deu certo no final, e espero que mais canções como essa possam ser tocadas nas rádios no futuro".[46] [47]

  • Compositores: Lana Del Rey e Justin Parker
  • Produtor: RoboPop
  • Masterização: Stuart Bruce

Faixas e formatos[editar | editar código-fonte]

No dia 2 de dezembro de 2011 foi lançado "Video Games - The Remix EP", com cinco faixas e que ganhou remixes com os gêneros dance/eletrônica e pop.[48] Del Rey também lançou um EP auto-intitulado, que foi lançado em 10 de janeiro de 2012 nos Estados Unidos, e atingiu à 20ª posição no país.[49] "Video Games" também foi inserida na trilha sonora internacional da telenovela Avenida Brasil (2012), sendo utilizada como tema para os personagens Débora e Iran, interpretados por Nathalia Dill e Bruno Gissoni.[50]

EP digital[51]
N.º Título Duração
1. "Video Games" (Versão do álbum) 4:44
2. "Video Games" (Larry "Mr Fingers" Heard Remix) 8:58
3. "Video Games" (Omid 16B Remix) 5:14

Desempenho nas tabelas[editar | editar código-fonte]

"Video Games" teve um desempenho comercial favorável na Europa, atingindo a primeira posição na Alemanha e ficando entre as dez primeiras posições na Áustria, na Bélgica, na França, na Irlanda, nos Países Baixos, na Suíça e no Reino Unido.[55] [56] No continente americano, a faixa teve um desempenho comercial fraco. Nos Estados Unidos, estreou na 91ª posição, ficando apenas uma semana nas paradas norte-americanas. No Canadá, a faixa atingiu a 72ª posição, enquanto no Brasil a faixa conseguiu um sucesso comercial maior, atingindo a 26ª posição.[57]

Precessões e sucessões[editar | editar código-fonte]

Precedido por
"We Found Love" por Rihanna com Calvin Harris[93]
 Alemanha - Media Control AG
23 de dezembro de 2011 - 30 de dezembro 2011
Sucedido por
"Somebody That I Used to Know" por Gotye com Kimbra[94]
Precedido por
"Higher Love" por James Vincent McMorrow[95]
 Reino Unido - UK Indie Charts
21 de janeiro de 2012 - 28 de janeiro de 2012
Sucedido por
"Wherever You Will Go" por Charlene Soraia[96]

Referências

  1. Episódio 102 Ringer. Visitado em 9 de abriu de 2012.
  2. Leah Simpson. Lana Del Rey hoped music industry would make her more friends Digital Spy. Visitado em 14 de setembro de 2013.
  3. Lana Del Rey's Biography Guardian News and Media The Guardian. Visitado em 22 de dezembro 2011.
  4. Lana Del Rey announces U.S. live debut Battan Carrie Pitchfork (8 de setembro 2011). Visitado em 8 de abril 2012.
  5. a b c Original Sin: An Interview With Lana Del Rey. Visitado em 13 de maio de 2012.
  6. a b Lana Del Rey: 'People didn't take me seriously with a high voice' Copsey Robert Digital Spy (23 de novembro 2011). Visitado em 20 de dezembro 2011.
  7. ¿Quién es esa chica? Fabián Rodríguez. Visitado em 2 de novembro de 2013. Cópia arquivada em 2 de novembro de 2012.
  8. One to watch: Lana Del Rey Guardian News and Media The Observer (4 de setembro 2011). Visitado em 20 de dezembro 2011.
  9. a b The best song of 2011? It had to be by Lana Del Rey Petridis Alexis Guardian News and Media (19 de dezembro de 2011). Visitado em 20 de dezembro de 2011.
  10. a b Playlist: 10 tracks you need to hear Copsey Robert e Corner Lewis Digital Spy (9 de maio de 2011). Visitado em 20 de dezembro de 2011.
  11. iTunes — Music — Video Games — EP by Lana Del Rey iTunes Store (US). Apple Inc. Visitado em 15 de dezembro de 2011.
  12. Gig review: Lana Del Rey – Oran Mor, Glasgow Johnstone Lindsay Johnston Press The Scotsman (7 de novembro 2011). Visitado em 20 de dezembro de 2011.
  13. Lana Del Rey: 'Video Games' - Single review. Visitado em 13 de maio de 2012.
  14. a b Lana Del Rey: "Video Games" Cohen Ian Pitchfork Media (3 de agosto de 2011). Visitado em 20 de dezembro de 2011.
  15. Lana Del Rey: 'Video Games' – Single review Copsey Robert Digital Spy (27 de setembro de 2011). Visitado em 20 de dezembro de 2011.
  16. Tracks of the Year NME. Visitado em 20 de dezembro 2011.
  17. Is Lana Del Rey The Kreayshawn Of Moody, Electro-Tinged "Indie"? The Village Voice Village Voice Media (15 de setembro de 2011). Visitado em 20 de dezembro de 2011.
  18. The 50 Best Songs of 2011 Larson Luke Wolfgang's Vault (30 de novembro de 2011). Visitado em 20 de dezembro de 2011.
  19. "Video Games — MTV Push" VH1 Brasil. MTV Networks.. Visitado em 9 de abril de 2012.
  20. Glazer, Eliot (6 de dezembro de 2011). "Watch Lana Del Rey Perform ‘Video Games’ Live at Bowery Ballroom" (em inglês) New York Magazine. New York Media, LLC.. Visitado em 8 de abril de 2012.
  21. Lana Del Rey's 'Video Games' lands a prime spot on CW's 'Ringer' — Is she officially mainstream now? Entertainment Weekly (28 de setembro de 2011). Visitado em 30 de dezembro, 20111.
  22. Idolator Staff (12-11-2011). Lana Del Rey Sings “Video Games” On Amsterdam’s ‘DWDD’ Idolator. Visitado em 20 de dezembro, 2011.
  23. Watch Lana Del Rey Perform "Video Games" on "Later With Jools Holland" Pitchfork Media (11-10-2011). Visitado em 20 de dezembro, 2011.
  24. Lana Del Rey explains significance of 'Video Games' location Chateau Marmont NME (13-12-2011). Visitado em 20 de dezembro, 2011.
  25. Katy Perry e Lana Del Rey se apresentam no “ECHO Awards”! Assista as performances. The Breakout Henrique (23-03-12). Visitado em 24 de março de 2012.
  26. Lana Del Rey At The El Rey Theatre grammy.com. Visitado em 13 de maio de 2013.
  27. Lana Del Rey Purrs Through 'Video Games' Live - Premiere. Visitado em 24 de janeiro de 2014.
  28. "Lana Del Rey Tour Setlist" setlist.fm. Visitado em 18 de junho de 2012.
  29. a b Lana Del Rey - Video Games (Live on SNL) Vevo (15 de janeiro de 2012). Visitado em 1 de maio de 2012.
  30. a b Lana Del Rey - Blue Jeans (Live on SNL) Vevo (15 de janeiro de 2012). Visitado em 1 de maio de 2012.
  31. a b Lana Del Rey adia início da turnê após fiasco na TV, diz jornal folha.com (7 de fevereiro de 2012). Visitado em 9 de abril de 2012.
  32. Atuação de Lana Del Rey mal recebida pelo público (16 de janeiro de 2012). Visitado em 9 de abril de 2012.
  33. Juliette Lewis alfineta Lana Del Rey e a compara a uma criança Terra Networks. (15 de janeiro de 2012). Visitado em 9 de abril de 2012.
  34. Depois de criticar, Juliette Lewis elogia Lana Del Rey MTV Brasil (17 de janeiro de 2012). Visitado em 9 de abril de 2012.
  35. Daulerio, A.J... "Brian Williams Says Gawker Should Have Torched Lana Del Rey: 'One Of The Worst Outings In SNL History' Gawker. Gawker Media.. Visitado em 9 de abril de 2012.
  36. "Lana Del Rey's 'SNL' Set Defended By Andy Samberg" (em inglês) (20 de janeiro de 2012). Visitado em 9 de abril de 2012.
  37. Perpetua, Matthew (Rolling Stone. Jann Wenner). "Lana Del Rey Tries to Live Up to Her Glamorous Image at New York Show" (em inglês) 6 de dezembro de 2011. Visitado em 8 de abril de 2012.
  38. Lana Del Rey adia turnê após apresentação em programa de TV O Globo (7 de fevereiro de 2012). Visitado em ? de abril de 2012.
  39. a b c Dobbins, Amanda (21 de setembro de 2011). "Meet Lana Del Rey, the New Singer Music Bloggers Love to Hate" (em inglês) New York Magazine. New York Media, LLC.. Visitado em 10 de abril de 2012.
  40. Lana Del Rey Brings Her Sultry, Tortured Love Songs To New York's Bowery Ballroom MTV. MTV Networks (6 de dezembro de 2011). Visitado em 20 de dezembro 2011.
  41. Lana Del Rey - Video Games (Live At The Premises) Contactmusic.com. Visitado em 7 de julho de 2013.
  42. Lana Del Rey Sings 'Video Games' Live At 'The Premises' (VIDEO) Huffing Post. Visitado em 9 de julho de 2013.
  43. Michael Cragg. Lana Del Rey – Video Games (live at the Premises) The Guardian. Visitado em 7 de julho de 2013.
  44. Nick Neyland. Lana Del Rey: "Video Games" (Live At The Premises) (Video) Prefixmag.com. Visitado em 7 de julho de 2013.
  45. a b Lana Del Rey – Video Games / Blue Jeans (em inglês) Discogs. Visitado em 22 de abril de 2012.
  46. Copsey, Robert (17 de abril de 2012). Lana Del Rey producer: 'Label didn't want Video Games single' (em inglês) Daily Mail. Visitado em 22 de abril de 2012.
  47. Gravadora recusou 'Video Games', de Lana Del Rey MTV Brasil (17 de abril de 2012). Visitado em 22 de abril de 2012.
  48. Lana Del Rey – Video Games - The Remix EP. Visitado em 17 de abril de 2012.
  49. Lana Del Rey - Lana Del Rey (ep). Visitado em 17 de abril de 2012.
  50. "Trilha sonora: confira as músicas internacionais de Avenida Brasil" Rede Globo. Globo.com (20 de agosto de 2012). Visitado em 25 de outubro de 2012.
  51. Video Games - Single iTunes Store (Reino Unido).
  52. Video Games (Joy Orbison Remix) - Single iTunes Store (Reino Unido), Apple, Inc.. Visitado em 9 de abril de 2012.
  53. Video Games Remixes - EP - Lana Del Rey iTunes Store (Estados Unidos).
  54. Video Games - Lana Del Rey iTunes Store (Alemanha).
  55. Ultratop.be – Lana Del Rey – Video Games (em French) Ultratop 40. Ultratop & Hung Medien / hitparade.ch. Visitado em 20 de dezembro de 2011.
  56. Lana Del Rey — UK Chart History The Official Charts Company. Visitado em 20 de dezembro de 2011.
  57. a b c "Brasil Hot 100 Airplay". [S.l.]: Billboard Brasil, Dezembro de 2011. 100 pp. 977-217605400-2.
  58. "Lana Del Rey, Video Games" (em alemão) (Media Control. charts.de). Visitado em 8 de abril de 2012.
  59. "Chartifacts – Week Commencing: 17th October 2011" (Australian Recording Industry Association). Visitado em 8 de abril de 2012.
  60. "Lana Del Rey – Video Games – Austriancharts.at" (em alemão) (Ö3 Austria Top 40. Hung Medien).
  61. "Ultratop.be – Lana Del Rey – Video Games" (em alemão) (Ultratop 50. Ultratop & Hung Medien / hitparade.ch).
  62. "Ultratop.be – Lana Del Rey – Video Games" (em francês) (Ultratop 40. Ultratop & Hung Medien / hitparade.ch).
  63. a b c d Lana Del Rey - Video Games acharts.com. Visitado em 21 de abril de 2012.
  64. "Danishcharts.com – Lana Del Rey – Video Games" (Tracklisten. Hung Medien). Visitado em 8 de abril de 2012.
  65. "29, 2011/ Archive Chart" (em inglês) Scottish Singles and Albums Charts. Official Charts Company.. Visitado em 8 de abril de 2012.
  66. "Spanishcharts.com – Lana Del Rey – Video Games" PROMUSICAE. Hung Medien.. Visitado em 9 de abril de 2012.
  67. "Finnishcharts.com – Lana Del Rey – Video Games" Suomen virallinen lista. Hung Medien.. Visitado em 9 de abril de 2012.
  68. "Lescharts.com – Lana Del Rey – Video Games" (em francês) (Les classement single. Hung Medien). Visitado em 9 de abril de 2012.
  69. "Chart Track" Irish Recorded Music Association. Visitado em 9 de abril de 2012.
  70. "Listy bestsellerów, wyróżnienia :: Związek Producentów Audio-Video" Polish Music Charts. ZPAV.. Visitado em 9 de abril de 2012.
  71. "ČNS IFPI" (em tcheco) Hitparáda – Radio Top100 Oficiální. IFPI Czech Republic.. Visitado em 9 de abril de 2012.
  72. "Swedishcharts.com – Lana Del Rey – Video Games" Sverigetopplistan. Hung Medien.. Visitado em 9 de abril de 2012.
  73. "Lana Del Rey – Video Games – swisscharts.com" Schweizer Hitparade. Hung Medien.. Visitado em 9 de abril de 2012.
  74. Lana De Rey.
  75. 2012 Top 40 Independent Singles Archive Officialcharts.com. Visitado em 12 de abril de 2012.
  76. Single Jahrescharts 2011 (em German) MTV Germany. MTV Networks (31 de dezembro de 2011). Visitado em 7 de janeiro de 2012.
  77. JAAROVERZICHTEN 2011 (em Dutch). Visitado em 29 de dezembro de 2011.
  78. Classement Singles - année 2011. Visitado em 29 de dezembro de 2011.
  79. JAAROVERZICHTEN — SINGLE 2011 (em Dutch). Visitado em 29 de dezembro de 2011.
  80. a b ultratop.be - ULTRATOP BELGIAN CHARTS
  81. Classement Singles - année 2012 (em french) SNEP.. Visitado em April 17, 2013.
  82. Top 100 Singles of 2012 BBC Radio 1. BBC Online. Visitado em 5 de janeiro de 2013.
  83. Gold-/Platin-Datenbank (em German) BVMI. Visitado em 2 de março 2012.
  84. a b Gold & Platin IFPI Áustria (02 de fevereiro de 2012). Visitado em 2 de março de 2012.
  85. ARIA Top 50 (em inglês) Australian Recording Industry Association Ltd. Visitado em 2 de março de 2012.
  86. GOUD EN PLATINA - SINGLES - 2011 BEA. Visitado em 2 de março de 2012.
  87. Gold and Platinum Music Canada (17 de outubro de 2013). Visitado em 2 de novembro de 2013.
  88. - Gold & Platin Título não preenchido, favor adicionar RIAA (9 de maio de 2013). Visitado em 9 de maio de 2013.
  89. Les Singles les plus Vendus en 2012. Visitado em 10 de outubro de 2013.
  90. Certifications of Italy - 39 - 2013 IFMI. Visitado em 20 de julho de 2013.
  91. Certifications of British Phonographic Industry BPI. Visitado em 20 de julho de 2013.
  92. "The Official Swiss Charts and Music Community: Awards (Lana Del Rey; 'Video Games')" Hung Medien.. Visitado em 20 de julho de 2013.
  93. Dia 02 de dezembro de 2011. Visitado em 12 de abril de 2012.
  94. Dia 06 de janeiro de 2012. Visitado em 13 de abril de 2012.
  95. 2012 Top 40 Independent Singles Archive, 14th January 2012. Visitado em 12 de abril de 2012.
  96. 2012 Top 40 Independent Singles Archive, 28th January 2012. Visitado em 12 de abril de 2012.