Virgin Black

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Virgin Black
Virgin Black no Elements of Rock em 2007
Informação geral
Origem Adelaide, Austrália Meridional
País  Austrália
Gênero(s) Metal gótico, doom metal, metal sinfônico, Metal Cristão
Período em atividade 1995 — atualmente
Gravadora(s) Massacre Records, The End Records
Integrantes Rowan London
Samantha Escarbe
Grayh
Luke Faz
Ex-integrantes Dino Cielo
Craig Edis
Ian Miller
Aaron Nicholls
Brad Bessel
Graham Billing
Mark Kelson

Virgin Black é uma banda australiana que combina o metal gótico, doom metal e metal sinfônico.

História[editar | editar código-fonte]

Na ativa desde 1995, os australianos do Virgin Black vêm fazendo seu nome no cenário mundial com sua mistura de metal gótico com atmosferas obscuras e elementos orquestrados. Em 1995 a banda lança seu primeiro registro a demo auto-intitulado "Virgin Black", que excedeu expectativas, o que era para ser uma promoção local, tornou-se algo grande fez com que a demo fosse bastante vendida. Após 3 anos sem lançar nada a banda volta com outro EP intitulado "Trance", onde a banda teve uma progressão para o experimental com ângulos clássicos e industriais que se tornou evidentes neste trabalho. Depois de duas demos o primeiro álbum veio em 2001, "Sombre Romantic", um trabalho obscuro e com algumas experimentações, mas sobretudo melancólico que foi muito aceito como álbum de estréia, valendo contato com as gravadoras Massacre Records na Europa e a The End Records nos EUA. Na seqüência veio “Elegant... and dying" (2003)pela Silent Music/Encore Records, é como o próprio grupo afirma: "Uma jornada elaborada de 75 minutos que poucos irão compreender ou absorver sem um certo tempo e reflexão". Um álbum complexo, com a marca registrada da banda, passagens arrastadas e cadenciadas, momentos melancólicos, melodias delicadas e o insistente clima gótico presente em todo álbum. Após o lançamento de "Elegant... and dying", a banda partiu para uma turnê pelos Estados Unidos, e também participou de um festival na Alemanha, tendo tocado ao lado de bandas de renome como Opetn Paradise Lost e Tiamat.Em 2007 o grupo lançou o primeiro trabalho de uma trilogia chamada "Réquiem", que terá três álbuns com sonoridades diferentes. O primeiro é o "Réquiem-Mezzo Forte" que traz uma sonoridade diferente de seus trabalhos anteriores. O segundo "Réquiem-Fortíssimo" (2008). E por último "Réquiem Pianíssimo" sem data para sair. A banda tem uma temática cristã em suas letras, mas não exerce um trabalho ministerial. A Banda explica que o significado do seu nome é a justaposicão de pureza (Virgin) e escuridão (black) da humanidade.[1]

Formação[editar | editar código-fonte]

  • Rowan London — vocais e teclados
  • Samantha Escabe — guitarras, cello
  • Luke Faz — bateria
  • Grayh — baixo e vocal

Discografia[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Virgin Black
Flag of Australia.svgGuitarra masc.png Este artigo sobre uma banda ou grupo musical da Austrália, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. https://en.wikipedia.org/wiki/Virgin_Black#cite_note-AMG_VB-2