Visitantes (V)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Morena Baccarin intépreta a Líder dos Visitantes, Anna, da adaptação da série lançada em 2009.

The Visitors (no Brasil, V - Visitantes[carece de fontes?]) são uma raça de extraterrestre das séries de televisão "V". Possuem aparência original reptiliana, porém, cobrem seus corpos com carne humana clonada como estratégia para invadirem a Terra. São muitas vezes referidos pela abreviação "V's". O nome real da sua espécie é desconhecido.[1]

História[editar | editar código-fonte]

A história dos Visitantes antes da chegada à Terra é desconhecida. Os visitantes já tinham enviado décadas antes, agentes para investigar a Terra, antes da sua chegada formal, temendo prejudicar a sua sociedade e para obter acesso a informações sobre a sociedade humana, ocupando posições em diferentes áreas da nossa sociedade.

Após a chegada na Terra[editar | editar código-fonte]

Os Visitantes chegaram em uma manhã de 2009, em "todo o mundo"[2] . Sua chegada foi saudada por terremotos causados por suas naves. A Guarda Nacional dos Estados Unidos foi chamada em cidades como Nova York para evacuar multidões. Logo se apresentam à Terra pedindo desculpas pelos danos causados em sua chegada. Anna afirmou que seu povo necessitava de água e um mineral valioso e, em troca, os Visitantes partilhariam os seus conhecimentos e tecnologias com a Terra. Ela concluiu afirmando ela estaria em contato com líderes mundiais nas próximas horas. Nas próximas três semanas, centros médicos dos Visitante foram criados em cidades ao redor do mundo. Eles tinham cura para 65 doenças diferentes, e começou a oferecer passeios de suas naves-mãe. Anna durante este período viajou para o edifício da ONU em Nova York numa reunião de um grupo de jornalistas.

Um repórter especial, Chad Decker, interessado no alto comandante estabeleceu uma entrevista a bordo da nave-mãe de Nova Iorque. Ela pediu-lhe que não retratasse os Visitantes de forma negativa, sob a ameaça de cancelar a entrevista. Ela e seu adjunto, Marcus, foram capazes de convencer Decker com base em como a entrevista impulsionaria sua carreira. Marcus disse que os Visitantes que usuariam Decker para transmitir mensagens de Anna para a Terra, afirmando que comprometer seus valores como repórter foi para o seu bem maior. Além disso, os Visitantes reuniram jovens da humanidade através da criação do Programa Embaixador da Paz. O programa começa liderado por Lisa. Ela recrutou o filho de Erica Evans, Tyler para aderir ao projeto. Quando isto aconteceu, Erica investigou a liderança em uma célula terrorista. Erica foi levada para uma reunião onde o líder da resistência difama os Visitantes. Durante a reunião, os Vs atacaram usando um dispositivo e ferindo vários dos indivíduos presentes. Mas outros, como Erica e o Padre Jack Landry, conseguiram escapar e a partir daí formam uma resistência.

Os visitantes e a humanidade estabeleceram relações diplomáticas poucas horas após transmissão de Anna com os líderes mundiais. Depois de várias semanas, os países começaram a abrir suas fronteiras para os Visitantes. Os primeiros países foram México e Japão, seguido pelos Estados Unidos.

Aparência[editar | editar código-fonte]

Aparencia de um visitante sem a pele humana, nas séries da década de 1980.

Os visitantes são aparentemente similares aos humanos. Esse aspecto, no entanto, é apenas uma camada exterior para cobrir seus verdadeiros corpos de répteis. A fim de obter a carne humana, os Visitantes enviaram missões de espionagem para a Terra ao longo de décadas e recolheram amostras genéticas, clonando a carne humana que eles usam como disfarce. A carne clonada é conectada com suas células e tecidos ao sistema nervoso central, permitindo um controle completo e sensação através desta camada exterior.

Ao contrário do que simplesmente uma fantasia em cima, esta carne disfarce é viva, mas não um organismo real. A carne clonada aparentemente tem aberturas sob a saída das unhas e na boca, para os dentes reais.

Muitas de suas habilidades ainda são desconhecidas, mas eles não parecem possuir percepções extrassensorial. A maioria da força física do Visitante está em um nível humano e pode ser derrotado em combate corpo a corpo, incluindo uma mulher de recursos humanos qualificados batendo em um macho Visitante.

Anatomia réptil[editar | editar código-fonte]

Na realidade, os Visitantes são uma raça de humanóides reptilianos.

Na escala universal, eles ainda estão bastante próximos dos humanos - no sentido de que eles são humanóides vertebrados. No massacre da reunião, Erica bateu em Dale com força suficiente para atordoá-lo brevemente, rasgando a parte superior esquerda da cabeça e revelando não apenas a pele de réptil, mas um dos olhos bem entreabertos.

Nutrição[editar | editar código-fonte]

Como a maioria dos répteis na Terra, os Visitantes têm a capacidade de perturbar sua mandíbula para se alimentar. Eles possuem dentes longos, que são capazes de retrair quando estão sob a forma humana. O canibalismo possivelmente faz parte de algum costume pós acasalamento. No episódio Welcome to the War, da nova série, Anna acasalou-se com um soldado, alimentando-se dele logo em seguida.

Planeta natal[editar | editar código-fonte]

Não se sabe muito sobre o planeta dos Visitantes, nem mesmo o seu nome. No remake da série, de 2009, durante a primeira entrevista com Chad Decker, Anna, declarou que seu planeta é muito parecido com a Terra, com cidades, grandes oceanos e assim por diante. Mais tarde, quando Anna vai visitar sua mãe Diana, é mostrado ser um planeta escuro, empoeirado, com muitas rochas e desfiladeiros, não se assemelhando muito a Terra.

Referências

  1. The Visitors [1] V Wiki
  2. A chegada dos Visitantes Ufofiler

Ligações externas[editar | editar código-fonte]