Vitinho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Boa noite, Vitinho!
"Doodle" do Google Portugal mostrando o "Vitinho" (2011)
Informação geral
Formato Série de desenho animado
Género Animação
Recomendado para todos os públicos. i CPT (Portugal)
Duração 1 ou 2 minutos.
Criador(es) José Maria Pimentel
País de origem  Portugal
Idioma original Português
Produção
Produtor(es) Milupa
Apresentador(es) Vitinho
A Almofada
Pai do Vitinho
Mãe do Vitinho
O Super-Herói
Robô
Compositor da música tema José Calvário
Exibição
Emissora de
televisão original
Portugal RTP1, RTP Memória
Formato de exibição SDTV
Transmissão original 1986 - 1997
N.º de temporadas 4
Vitinho
Nome original Vitinho
Nascimento 2 de fevereiro de 1986 (28 anos)
Origem  Portugal
Criado por José Maria Pimentel

O Vitinho é o nome de uma personagem de desenho animado que obteve grande sucesso em Portugal, com transmissões na televisão entre os anos de 1986 e 1997.

A transmissão diária na televisão das películas "Boa noite, Vitinho!", em horário nobre, atribuiu-lhe picos de audiência e uma admiração consensual: não só por parte das crianças, mas também por pessoas de todas as idades.

História[editar | editar código-fonte]

O desenhador José Maria Pimentel criou o "Vitinho" em 2 de Fevereiro de 1986 para uma campanha publicitária da empresa Milupa.[1]

Em meados de 1986, a RTP (Radiotelevisão Portuguesa) decidiu relançar um espaço diário de animação com o objectivo de criar um "marco horário," usado anteriormente com projectos como os "Meninos Rabinos," que levasse as crianças a deitarem-se mais cedo.

A RTP lançou assim um concurso para a rubrica "Boa Noite" que foi ganho por José Maria Pimentel.[2]

Nesse sentido, a Milupa Portuguesa (empresa especializada em alimentação infantil, entretanto renomeada Milupa Comercial SA), passou a ter o Vitinho, boneco muito carismático das suas campanhas publicitárias, numa película de animação para levar as crianças para a cama. [1]

Após a transmissão da primeira película de animação, seguiram-se três novas películas com vista a actualizar as primeiras.

Os desenhos animados do Vitinho foram transmitidos todos os dias, em horário nobre, durante uma década.

Deram voz às canções nomes como Isabel Campelo, Dulce Neves, Eugénia Melo e Castro e Paulo de Carvalho. A música esteve a cargo do maestro José Calvário com a interpretação da London Symphony Orchestra.

25 anos[editar | editar código-fonte]

Por altura dos 25 anos dos desenhos animados, em Janeiro de 2011, a Google Portugal criou um Doodle comemorativo.[1]

Temporadas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Google promete novos "doodles" portugueses, Diário de Notícias online, 2 de Fevereiro de 2011. Página acedida em 3 de Fevereiro de 2011.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Página no Facebook: https://www.facebook.com/pages/vitinho/165404676935