Voluntários Irlandeses

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Voluntários Irlandeses (em irlandês: Óglaigh na hÉireann) foi uma organização militar criada em 1913 por nacionalistas irlandeses. O seu principal objetivo foi declarado "para garantir e manter os direitos e liberdades comuns a todo o povo da Irlanda",[1] em outras palavras, a salvaguarda da Home Rule.[2] No entanto, a intenção da Irmandade Republicana Irlandesa em incorporar o voluntariado foi para ajudar a estabelecer uma República da Irlanda.[3]

Os voluntários foram membros da Liga Gaélica, da Ordem Antiga dos Hibernianos, do Sinn Féin, e, secretamente, da Irmandade Republicana Irlandesa. A iniciativa de uma série de reuniões que antecedem os discursos em público veio dos voluntários da Irmandade Republicana Irlandesa.

Referências

  1. Constituição dos Voluntários Irlandeses, citado na Biblioteca Nacional da Irlanda, O Levantamento de 1916: Personalidades e Perspetivas, exposições on-line, acessado a 22 de dezembro de 2007. (em inglês)
  2. Biblioteca Nacional da Irlanda, O Levantamento de 1916: Personalidades e Perspetivas, exposição on-line, acessado a 22 de dezembro de 2007. (em inglês)
  3. Eoin Neeson, Mitos da Páscoa de 1916, Aubane Historical Society, Cork, 2007, ISBN 978 1 903497 34 0.
Ícone de esboço Este artigo sobre a República da Irlanda é um esboço relacionado ao Projeto Europa. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.