Voz da Rússia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Voz da Rússia
País Federação Russa
Cidade Moscovo
Fundação 1993
Extinção 10 de Novembro de 2014 (2014-11-10)
Sítio oficial http://portuguese.ruvr.ru (inativo)
Último
Último
Rádio de Moscou
Radio Sputnik
Próximo
Próximo

A Voz da Rússia (em russo: Голос России, transl. Golos Rossii) foi uma empresa pública multimídia da Federação Russa, com sede em Moscovo, que efetuava transmissões de rádio em várias línguas para o exterior. A Voz da Rússia era propriedade da Companhia Nacional Russa de Televisão e Radiodifusão (sendo VGTRK a sua sigla em russo)[1] A missão da empresa foi oferecer ao público informação rápida, rigorosa e fidedigna sobre os acontecimentos mundiais, informar a comunidade internacional sobre a vida na Rússia, manter um diálogo com as comunidades russas no exterior e contribuir para a difusão da língua e da cultura russas.

A sua sinal de intervalo foi A Grande Porta de Kiev, episódio da peça Quadros de uma Exposição escrita por Modest Mussorgsky.

História[editar | editar código-fonte]

Em 22 de dezembro de 1993, o presidente russo Boris Yeltsin publicou um decreto que reorganizava a Rádio de Moscou com um novo nome: a Voz da Rússia.[2] [3] A rádio transmitiu em 38 idiomas, sintonizados em 160 países. Entre as línguas utilizadas estão o alemão, árabe, armênio, azeri, búlgaro, chinês, checo, curdo, dari, espanhol, francês, hadza, hindi, inglês, italiano, japonês, kirguize, moldavo, mongol, pashtu, persa, polaco, português, russo, sérvio, turco, ucraniano, urdu e uzbeque.

A Voz da Rússia tenha um website em 33 línguas. Em 2008, a página web da rádio recebeu o Prémio Runet na categoria “Runet fora dos limites RU” (Runet é o segmento da Internet global em língua russa)

A Voz da Rússia foi membro da Associação Nacional de Difusores de Rádio e Televisão; da União Europeia de Radiodifusão; da Rádio Digital Mundial e da Conferência Internacional de Serviços de Estudo de Audiências.

Em 10 de novembro de 2014, a Voz da Rússia foi substituída por uma nova emissora internacional chamada Rádio Sputnik.[4]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. http://portuguese.ruvr.ru/about/
  2. García Márquez se interesa por la perestroika (em espanhol) Site da Voz da Rússia (13 de junho de 2012). Visitado em 19 de novembro de 2014.
  3. Decreto de Boris Yeltsin em russo
  4. Sputnik irá divulgar informações pelo mundo inteiro Site da Voz da Rússia (13 de novembro de 2014). Visitado em 19 de novembro de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]